Concurso Literario
Concurso LiterarioFoto: Divulgação

Termina neste sábado (30/09), as inscrições para o concurso literário na Livraria da Praça de Casa Forte. As crianças podem escrever um texto sobre o Brincar, de qualquer tamanho, e entregar na Livraria, e estarão concorrendo a cestas de livros. Serão três ganhadores, e o resultado será divulgado com uma grande festa no sábado dia 07 de outubro, com entrada gratuita.

O evento está sendo realizado junto com o Corujices, com apoio da Academia Hora do Recreio Recife e da All 4 Kids School!!!

A festa no dia 07 começa às 16h, com brincadeiras, recreação, com a equipe da Academia Infantil Hora do Recreio, depois tem show da cantora e contadora de histórias Ilana Ventura, que entra em cena às 17h e vai mostrar um show especial sobre o Brincar. Ao final, será feita a premiação dos três primeiros lugares do Concurso Literário Infantil do Dia das Crianças, que está acontecendo, também com o tema "brincar".

A ideia é valorizar e estimular o brincar livre para as crianças. Tanto a escola parceira ALL 4 Kids School quanto a Academia Infantil desenvolvem seus trabalhos a partir do lúdico, estimulando a importância da brincadeira, diante dos tão atrativos jogos eletrônicos.

As inscrições para o Dia das Crianças são prévias e podem ser feitas gratuitamente no e-mail: eventos@livrariapracadecasaforte.com.br

LIVRARIA DA PRAÇA
Praça de Casa Forte, 454 - Casa Forte.
(81) 3019-0259

Roma Júlia e Eliz Galvão
Roma Júlia e Eliz GalvãoFoto: Jair Alves

O projeto Histórias do Meu Povo, que acontece gratuitamente desde o dia 01 de agosto, vem promovendo oficinas de ilustração, musicalização, cartonagem e acessibilidade na leitura, além de encontros com mestres de tradição oral da cidade e visita aos patrimônios culturais do município.


Voltado para crianças de 06 a 10 anos, o Histórias do Meu Povo prioriza as que possuem dificuldades no processo de alfabetização, distorção idade-série e abandono escolar, que resulta em crianças com baixa autoestima, dispersos e sem perspectiva de um futuro promissor. “Em muitos casos nem a família nem a escola acreditam mais nessas crianças”, conta Eliz Galvão, produtora e uma das idealizadoras do projeto.

 

O diferencial da atividade é trazer o exercício da leitura e escrita de forma lúdica e o mais próximo possível da realidade do público, realizando – principalmente com a participação de mulheres que são parte do cotidiano de cada uma das cinco regiões político-administrativas de Camaragibe – a contação de histórias e, sobretudo, realizando associações com as vivências práticas das crianças na sua comunidade. “Além da formação de um público leitor, estamos estimulando a consciência cidadã e trabalhando o sentido de pertencimento, senso crítico e valorização dos patrimônios culturais materiais e imateriais de Camaragibe”, explica Roma Júlia, que é uma das contadoras de histórias do projeto.

 

Os participantes passam pelo processo de conhecer e escrever gêneros textuais baseados nas histórias contadas por eles, pela mediadora de leitura e pesquisas feitas na comunidade. Logo escolhem os gêneros que mais se identificam, técnicas de como ler ou recitar seu próprio texto e, por fim, como publicar este material utilizando a técnica de cartonagem, que é a utilização de papelão para fazer a capa dos livros.

 

Dentre as ações previstas no projeto estão a distribuição gratuita de 1.250 livros com a produção textual dos participantes, a realização de 05 sessões de contação de histórias apresentadas pelos alunos do curso de contação de histórias como finalização da atividade, a doação de 125 livros (25 para cada instituição) para o acervo das instituições que participarão do projeto, a orientação para criação e manutenção dos espaços de leituras participantes do projeto, além da realização de 05 apresentações de espetáculos profissionais de contação de histórias aberto ao público com garantia de intérprete de libras em todas as apresentações.

 

Locais dos cursos

 

Centro Comunitário Vivendo e Aprendendo – Celeiro/Timbi

Período: 04/08 a 25/11/2017

Dias e Horários: sextas (14 às 16h) e sábados (09 às 11h)

 

Associação das Mulheres do Loteamento Santana – Santana

Período: 01/08 a 30/11/2017

Dias e Horários: terças e quintas de 14 às 16 horas.

 

Escola Municipal Paulo Freire (Loteamento São Pedro)

Período: 02/08 a 29/11/2017

Dias e Horários: segundas e quartas (09 às 11h)

 

Biblioteca Municipal de Camaragibe – Vila da Fábrica

Período: 01/08 a 30/11/2017

Dias e horários: terças e quintas de 09 às 11 horas.

 

Escola Municipal São José – Vera Cruz

Período: 02/08 a 29/11/2017

Dias e Horários: segundas e quartas (14 às 16h)

 

 

 

Show Mundo Bita
Show Mundo BitaFoto: Divulgação

Chega pela primeira vez no Recife, o espetáculo musical infantil Show do Bita – Nosso Mundo da Imaginação. As apresentações estão confirmadas para os dias 14 e 15 de outubro, o fim de semana do Dia das Crianças.

Reformulado, o roteiro do novo espetáculo oferece 14 músicas ao público, garantindo uma hora e dez minutos de diversão em um passeio pelo repertório dos cinco álbuns gravados. São quatro canções de “Bita e os Animais”, duas de “Bita e as Brincadeiras”, duas de “Bita e o Nosso Dia”, quatro de “Bita e o Corpo Humano” e duas do mais recente “Bita e a Natureza”.

O momento é de celebrar - em sua terra natal - o sucesso do projeto que, apenas na última turnê, alcançou mais de 250 mil pessoas de 42 cidades brasileiras.

Ainda mais interativo, o novo espetáculo amplia o destaque aos personagens Bita, Lila, Dan e Tito. Flora, personagem que caiu nas graças dos fãs e já estrelou dois clipes musicais no canal Mundo Bita do YouTube, segue como a cantora oficial.

Os ingressos para as apresentações no Teatro Luiz Mendonça (Parque Dona Lindu) já estão à venda.

SERVIÇO

“SHOW DO BITA – NOSSO MUNDO DA IMAGINAÇÃO” NO RECIFE (PE)
Sábado e domingo, 14 e 15 de outubro de 2017
Horário: 17h
Local: Teatro Luiz Mendonça (Parque Dona Lindu/Boa Viagem)

INGRESSOS
R$ 30,00 (meia) | R$ 60,00 (inteira)

PONTOS DE VENDA
- Tip Top (Shopping Recife e RioMar)
Segunda a sábado: Das 9h às 22h | Domingo: Das 12h às 21h

- Tip Top (Shopping Plaza)
Segunda a sábado: Das 10h às 22h | Domingo: Das 12h às 20h

- Site: https://goo.gl/mgGkwz
www.lojadeingresso.com/showdobitarecife

- Vendas na bilheteria do Teatro só acontecerão nos dias dos shows, a partir das 13h
Informações: (81) 3033-6658

O Jardim do Imperador / Festival PalhaçAria
O Jardim do Imperador / Festival PalhaçAriaFoto: Divulgação

Começou a terceira edição do PalhaçAria - Festival Internacional de Palhaças do Recife. O evento reúne palhaças de várias partes do mundo com um único objetivo: garantir a gargalhada durante cinco dias de espetáculos. Pela primeira vez, o festival faz uma homenagem. A escolhida foi a primeira palhaça de Portugal, Teresa Ricou, que tem uma longa trajetória artística e mantém a Escola Chapitô, em Lisboa.
 
Realizado pela Cia. Animée, da conhecida banda de palhaças As Levianas e com curadoria de Enne Marx e Nara Menezes, o PalhaçAria conta com o apoio da Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura, Centro de Formação e Pesquisa das Artes Cênicas Apolo/Hermilo, Sesc Pernambuco e incentivo do Funcultura/ Governo do Estado de Pernambuco. 
 
As exibições do festival vão ocupar os teatros Apolo e Hermilo Borba Filho e a Praça do Arsenal da Marinha. Além disso, oficinas e atividades formativas ocorrerão no Sesc de Casa Amarela. Os ingressos para os espetáculos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia) e estarão à venda uma hora antes de cada sessão, nas bilheterias dos teatros.
 
Com trabalhos solo e em grupo, cortejo cênico, oficinas gratuitas, fórum e intercâmbio de experiências, a programação pretende atrair cada vez mais mulheres para o centro do picadeiro e mostrar que já passou o tempo em que mulheres tinham que se fingir de homens para entrar na brincadeira ou que ficavam com papéis secundários. 
 
A maioria dos espetáculos é também para o público adulto, no intuito de desmitificar qualquer juízo de que essa arte é destinada apenas ao público infantil. 
 
Confira a programação completa do Palhaçaria - Festival Internacional de Palhaças do Recife
 
APRESENTAÇÕES: 
 
Dia 13/09 (QUARTA-FEIRA)
 
19h30 - Abertura com o Espetáculo Cortejo Cênico Sampalhaças com o Coletivo Sampalhaças (SP)
Local - Teatro Hermilo Borba Filho
Sinopse - Dez palhaças cantam e tocam ao vivo músicas autorais e músicas da cultura popular. Em um pequeno trajeto itinerante formam-se rodas/picadeiros onde o público assiste cenas que trazem à tona várias surpresas, dentre elas personagens como a "charlatona vendedora" e a "vidente". As Sampalhaças abrem o Festival com muita alegria numa verdadeira apoteose feminina.
Trajeto: Rua do Apolo, Hall entre os teatros Apolo e Hermilo Borba Filho e teatro Hermilo Borba Filho. 
Classificação etária - livre
 
21h - Espetáculo FUERA! com Letícia Vetrano (ARG)
Local - Teatro Apolo (Rua do Apolo, 121, Bairro do Recife) 
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - Desde a morte de seus pais, María Peligro age como se nada tivesse acontecido e como se eles ainda estivessem lá. Perpetuando os gestos da sua vida cotidiana, ocupa seus dias em manter e apagar o tempo que passa, com a obsessiva ilusão de preservar o que se foi. No dia de seu aniversário, ela acorda decidida a mudar seu destino, deixando emergir os seus desejos mais profundos, com um êxtase oculto e desconhecido. María não poderá viver seus dias como antes, transformando sua triste história em um delírio terrivelmente cômico.
Classificação etária - 16 anos
 
Dia 14/09 (QUINTA-FEIRA)

19h30 - Espetáculo O Jardim do Imperador com a Cia Pelo Cano (SP)
Local - Teatro Apolo (Rua do Apolo, 121, Bairro do Recife)
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - O espetáculo conta de forma simples e despojada, a história de um imperador que escolhe seu sucessor através das plantas que ele tanto cultiva e aprecia. O cenário é vivo, composto por vários tipos de ervas aromáticas e medicinais. Um convite a uma viagem sensorial onde os aromas, texturas e sons evocam lembranças dos quintais e de suas pequenas hortas. No final do espetáculo as crianças são convidadas pelo imperador para conhecer seu jardim onde lhes é oferecido um presente.
Classificação etária - Livre
 
21h - Cabaré Varieté 1 (PE e outros Estados)
Local - Teatro Hermilo Borba Filho
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - Nesta noite surpreendente, sob a batuta da MC Francisquinha, e a música ao vivo das Sampalhaças, o Festival PalhaçAria traz atrações mundialmente desconhecidas, bailarinas burlescas em turnê de estreia, momentos de reflexão com palestra internacional, números de acrobacia inacreditáveis, cantoras e dançarinas virtuosas, números cômicos e muita, muita diversão.
Classificação etária - 16 anos
 
Dia 15 (SEXTA-FEIRA)
19h30 - Divagar e sempre com Las Cabaças (SP)
Local - Teatro Apolo
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - No meio da floresta, as palhaças Bifi e Quinan procuram chegar a um lugar utópico e desconhecido. O dia a dia na canoa, o encontro com a onça pintada, a singela alegria de um peixe pescado, os sons, a solidão e o medo, revelam ao expectador o imaginário do lugar e das duas figuras. Um espetáculo dedicado a todos que vivem nas beiras dos rios amazônicos.
Classificação etária - Livre
 
21h - Espetáculo Metro Y Medio com Maku Fanchulini (ARG)
Local - Teatro Hermilo Borba Filho
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - Um espetáculo baseado na ação física e a comunicação cômica com o público, de forma ativa, leve e divertida. Maku se comunica sem palavras, criando assim uma linguagem universal. Os momentos técnicos e altamente delirantes se sucedem dinamicamente durante o espetáculo e são parte de um universo cheio de equilíbrios excêntricos, provocação e ternura, que levam a um final literalmente explosivo. Durante 40 minutos Maku surpreende, mostrando personalidade, ofício e uma alma clown para entregar.
Classificação etária - 16 anos
 
Dia 16 (SÁBADO)
16h30 - Espetáculo O Dia da Caça com Las Cabaças (SP) 
Local - Teatro Apolo
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)  
Sinopse - Dia de Caça é o terceiro espetáculo criado por Las Cabaças que faz parte da mostra de repertório no Festival PalhaçAria. No elenco, as atrizes palhaças Juliana Balsalobre e Marina Quinan
Classificação etária - Livre
 
20h - Valdorf com Casa de Madeira (POA)
Local - Teatro Apolo 
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - Ambientada no imaginário infantil, o espetáculo é voltado para o público adulto e retrata a história de Valdorf, um menino preso num vidro de pepino. Ao sair do vidro, Valdorf provoca a plateia com sua desenvoltura um tanto grotesca.
Com graça e franqueza, o espetáculo trata da complexa relação entre adultos sobrecarregados, e por vezes negligentes, e crianças desamparadas e excêntricas, mas ainda expressivas e espontâneas, ou seja, ainda crianças.
Classificação etária - 16 anos
 
Dia 17 (DOMINGO)
16h30 - Semi Breve com Las Cabaças (SP)
Local - Teatro Hermilo Borba Filho
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - Em Semi-Breve a dupla de palhaças Bifi e Quinan faz uma releitura de cinco números tradicionais da palhaçaria circense. A Pulga, O Soldado Sen-tido, O [WINDOWS-1252?]’ O N delicado, que foi ponto de partida para as andanças e encontros da dupla com Comunidades Ribeirinhas do Norte do Brasil nos últimos 10 anos.
Classificação etária - Livre 
 
17h - Chá Comigo, com Giullia Cooper, da Caravana Tapioca (SP)
Local - Praça do Arsenal
Sinopse - Uma cozinha sem teto, aberta. Quatro cadeiras vazias. Um fogão que aquece ingredientes sem receita. Duas colheres de emoção, uma xícara de poesia e uma pitada de improviso. Uma excêntrica anfitriã que cozinha com equilíbrios e tempera com afeto. Mistura com malabarismos. Adiciona circo. Despeja em uma assadeira sem forma. Leva ao fogo por 40 minutos e serve pratos com graça e riso.
Classificação etária - Livre 
 
20h - Cabaré Varieté 2 (PE e outros Estados) com participação especial da Banda de Palhaças AS LEVIANAS com Pílulas das Levianas
Local - Teatro Apolo
Ingressos - R$ 10 reais (inteira) e R$ 5 reais (meia)
Sinopse - A noite tem tudo pra ser muito divertida! As Levianas - Banda de palhaças trazendo pílulas do seu repertório clássico, recheadas de humor, uma palhaça "sensitiva" especialmente conectada, a mulher mais forte do mundo (não repitam em casa...), números cômicos de dança burlesque e muito mais! E ainda, como mestra de cerimônias da noite, a palhaça Mafalda Mafalda!
Classificação etária - 16 anos
 
FORMAÇÃO 

Dia 15 (SEXTA-FEIRA)
16h às 18h - Fórum: "PALHAÇAS DO MUNDO", documentário e palestra com MANUELA Matusquela (Brasilia)
Local - SESC de Casa Amarela
 
Endereços: 
Teatro Hermilo Borba Filho - Av. Cais do Apolo, s/n, Bairro do Recife
Teatro Apolo - Rua do Apolo, 121, Bairro do Recife

Cordel Animado na FLIM
Cordel Animado na FLIMFoto: Gustavo Bettini/Divulgação

A dupla Mariane e Milla Bigio apresenta o projeto infantil Cordel Animado na quarta edição da FLIM, Festa Literomusical do Parque Vicentina Aranha que começa nesta sexta-feira(15/09) no Parque, que fica na Vila Adyanna, em São José dos Campos (SP).

A participação no evento faz parte das comemorações de cinco anos de trajetória do projeto. Mariane é escritora e contadora de histórias, e sua irmã Milla é musicista, e para a FLIM prepararam um repertório de histórias autorais em cordel, permeadas por músicas e sonoplastias, e recursos cênicos como o Teatro de Bonecos e o de Mamulengos, além do uso de diversos instrumentos como Violão, Escaleta, Banjo.

O espetáculo do Cordel traz histórias de mistério e assombração, como "A História da Perna Cabeluda" e a "História da Monga", misturadas ao encantamento de textos como o onírico "Uma Menina Vestida de Jardim", e "O Vale dos Dinossauros nas Veredas do Sertão", que mescla realidade e ficção em torno do Sítio Arqueológico de Sousa-PB. O sucesso da dupla: "Marmelo, o Jacaré Banguelo", também estará presente, como carro-chefe do espetáculo, que também introduz a estética do mamulengo à criançada.

A festa acontece nos dias 15, 16 e 17 de setembro, três dias de uma intensa e diversificada programação cultural gratuita com mesas literárias, shows musicais, teatro, atividades lúdicas como caminhadas poéticas e contações de histórias para crianças, lançamento de livros, saraus e oficinas.

A apresentação do Cordel Animado será no dia 16/09, às 16h, no Quintal das Letras, e no dia 17/09 Mariane participa da 5ª MESA LITERÁRIA: TRANSITAR ENTRE OS MEIOS. Entre os participantes convidados Mariane Bigio, Tenório Cavalcanti, Fabrício Cunha, Washington Cucurto com mediação de Marcelino Freire. Em pauta, o tema: Como construir os próprios caminhos, fazer o livro circular, conquistar leitores, não esperar pelas grandes editoras.

A FLIM é democrática com 100% de acesso gratuito às suas atividades e é inclusiva, viabilizando a participação de portadores de deficiência auditiva, visual ou motora. A programação é impressa em braile e todas as mesas de reflexão tem tradução em libras.

A quarta edição conta com o patrocínio da GERDAU, POLIEDRO, Construtora Tavares Filho, Vale Sul Shopping, IOV – Instituto de Oncologia do Vale e parceria de instituições como SESC, Edições SESC, SESI, SENAC e Fundação Cultural Cassiano Ricardo, apoio da UNIMED, GPM Comunicação, Hotel Ema Palace, Haruf Especialidades Árabes e Nibs Juice Bar, promoção da Rádio Jovem Pan e Jornal O Vale, gestão cultural da AFAC e realização pelo Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Estado da Cultura e Prefeitura Municipal de São José dos Campos.

FLIM 2017 – Festa Literomusical do Parque Vicentina Aranha

Abertura
15/09 | Sexta-feira
Horário: 18h

Programação FLIM
15/09 (sexta) | Horário: 18h às 22h
16/09 (sábado) | Horário: 10h às 22h
17/09 (domingo) | Horário: 10h às 15h
Local: Parque Vicentina Aranha
Entrada Franca

Fotos: Gustavo Bettini/Divulgação

Bate Papo sobre o sono da familia
Bate Papo sobre o sono da familiaFoto: Divulgação

Cama compartilhada, xixi na cama, medo do escuro, pânico noturno serão temas colocados e pautas no próximo s;abado (16/09), as 10h, na loja Cara de Sono Recife. A reabertura da loja em Casa Forte será marcada com um bate-papo super importante para as famílias.

As psicólogas da Argos Psicomotricidade irão orientar e tirar duvidas sobre assuntos que mexem com o sono de muitos pais e µes com filhos pequenos.

Patrícia Távora é mestre em psicomotricidade relacional, psicanalista, especialista em família, analista corporal da relação, e Karla Nascimento é psicóloga clínica Gestalt Terapeuta psicomotricista relacional especialista em psicologia da Educação.

Essas profissionais tops vão estar no sábado (16/09), as 10h, participando de um bate-papo com a presença de três mães blogueiras: Ana Avelar, enfermeira, a frente do Mamae Maravilha, Cláudia Bettini, jornalista e produtora cultural, criadora do Corujices.com e uma das apresentadoras do programa na Rádio Folha de PE Radio Matraquinha, e Regina Dias, arquiteta, responsável pelo Dicas Miudas.

O evento é gratuito, mas as vagas são limitadas. Para participar, é preciso se inscrever por meio do email caradesonorecife@gmail.com

Carol Levy no Rio Mar
Carol Levy no Rio MarFoto: Divulgação

Carol Levy está de volta aos palcos depois de uma pausinha para nascimento de Olívia, sua filha caçula. A gente então comemora daqui a volta, as novidades e a família linda de Carol!!! O projeto Conto de Casa, que começou com vídeos de histórias gravados em casa para o canal dela do YouTube, ganhou público fiel no mundo virtual: virou um vagão no famoso aplicativo Playkids, e agora vira espetáculo!!! A ideia é colocar as crianças para participarem muito mais de todo o espetáculo, ora cantando junto, ora sugerindo o que acontecerá na história e até ajudando a artista a cozinhar uma sopinha. O espetáculo terá aproximadamente 70 minutos de duração e o repertório contempla três histórias, muitas músicas das duas temporadas do Contarolando e, também alguns sucessos que as crianças sempre pedem.

FICHA TÉCNICA E SERVIÇO: CONTO DE CASA

Ficha Técnica:

Concepção: Carol Levy e Luciano Pontes
Direção Geral: Carlinhos Borges e Carol Levy
Direção Artística: Luciano Pontes
Texto: Carol Levy
Cantora e Contadora de Histórias: Carol Levy
Direção Musical, Arranjos, Trilha Sonora e Percussão: Carlinhos Borges
Técnico de P.A: Gera Vieira
Operação de Luz: Álvaro Bomba
Criação de Figurinos: Marcondes Lima Criação e Execução de Cenários: Bia Pessoa Produção Geral: Camilla Pedro
Realização: Onomatopeia Ideias Sonoras Duração: 70 Minutos
Classificação: Livre

Serviço:

Conto de Casa
Dias 02 e 09 de Setembro, 16h30
Teatro Eva Herz, Livraria Cultura, Shopping Rio Mar Recife Informações: (81) 3256 7500
Ingressos: R$ 50 (inteira), R$ 25 (meia)
Crianças até 24 meses não pagam

Mariane Bigio na Bienal do Livro do Rio
Mariane Bigio na Bienal do Livro do RioFoto: Gustavo Bettini/Divulgação

A autora pernambucana Mariane Bigio participa da XVIII Bienal Internacional do Livro Rio levando a Literatura de Cordel Infantil para o maior evento literário do país. Bigio se apresenta no stand da editora cearense IMEPH com seus cordéis e livros infantis na quinta-feira (07/09), as 15h. Todas as obras de Mariane são feitas com a técnica e as rimas do gênero literário popular. A Bienal acontece no Riocentro até o dia 10 de setembro.
A apresentação de Mariane vai reunir várias histórias infantis em cordel de sua autoria.

Sobre Mariane Bigio

A cordelista, radialista e contadora de histórias Mariane Bigio é autora de seis livros infantis: Um Cordel para Muitos Chapéus (Editora Bagaço - PE, 2015), Dentro do Bucho, Um Bicho! (Evoluir - SP, 2015), Hortência (Editora Coqueiro - PE, Prefeitura do Recife, 2015), O Baú de Surpresas (IMEPH - CE, 2016), O Quebra-Nozes em Cordel (IMEPH-CE, 2016) e O que é, o que é Frutas? (Editora IMEPH-CE, 2016). Bigio também realiza projetos institucionais que utilizam o cordel como instrumento pedagógico, é apresentadora e produtora de um programa de rádio infantil que leva literatura, música e informação para as crianças (Rádio Matraquinha - exibido semanalmente, na Rádio Folha/PE 96,7FM), é cantora numa Banda Infantil que reúne composições de grandes clássicos como Vinicius de Moraes e Toquinho, e mantém um canal no youtube onde propaga suas obras e o Cordel (youtube/cordelanimado).

Sobre a Bienal

A Bienal do Livro Rio é o mais importante acontecimento editorial do Brasil, e o evento literário que mais mobiliza o país. Para o leitor, é a oportunidade de aproximação dos seus autores favoritos e de conhecer muitos outros. Durante onze dias, o Riocentro sedia a festa da cultura, da literatura e da educação. Nos espaços dedicados às atrações, o público pode participar de debates, bate-papos com personalidades e escritores, além das atividades culturais que promovem a leitura. Atraente, variada e dinâmica, a Bienal do Livro Rio é diversão para toda a família! A cada edição, o evento cultural e empresarial supera expectativas de público, vendas e mídia.


18ª Bienal Internacional do Livro Rio
31 de agosto a 10 de Setembro de 2017
Horários de Funcionamento
31 de agosto: 13h às 22h
7 de setembro (feriado): 10h às 22h
Durante a semana: 9h às 22h
Finais de semana: 10h às 22h
Local do Evento
Riocentro
Av. Salvador Allende, 6555
Barra da Tijuca
22780-160 – Rio de Janeiro – RJ
E-mail
Sugestões, dúvidas e comentários
contato@bienaldolivro.com.br
Ingressos:
Inteira: R$ 24,00
Meia-entrada: R$ 12,00

Oficinas para crianças na Baby Bazar
Oficinas para crianças na Baby BazarFoto: Divulgação

O Hotel Village Porto de Galinhas, em parceria com o site corujices.com e a TopMDI levarão para a Baby Bazar uma mostra  do trabalho que vem sendo desenvolvido no hotel, com o estímulo ao brincar criativo, ao sensorial, à arte e a solidariedade. Na quinta-feira (17/08), as famílias visitantes da Baby Bazar poderão pintar camisas com desenhos elaborados pela adolescente artista plástica Sofia Maia em apoio ao projeto Aldeias Infantis. Na sexta, é a vez de Gi Sátiro, do Brincando com Arte, ensinar a fazer massinha de modelar e brincar muito com o resultado. No sábado, Bruno Anselmo, publicitário e ilustrador, fará um oficina de desenho para as crianças. O encerramento da programação no Corujices Brincante será com uma oficina de aquarela ministrada pela artista plástica e ilustradora Ju Paes Barretto. As inscrições para cada oficina custam R$15 e podem ser feitas no local. Serão 20 vagas para cada turma. Para a pintura das camisas é necessário apenas adquirir a camisa (R$20), e toda renda será revertida para a ONG Aldeias Infantis. 

Confira a programação completa: 

Quinta-feira (17/08)
14h as 17h - Pintura de camisas com a ONG Aldeias Infantis (Desenhos de Sophia Maia em apoio ao projeto)
16h - Contação de Histórias com Jojoba

Sexta-feira (18/08)
14h30, 16h e 17h30 - Oficina de Arte com Gi Sátiro do Brincando com Arte (massinha de modelar) 

Sábado (19/08)
14h30, 16h e 17h30 - Oficina de Ilustração para criança com Bruno Anselmo do Bora Criar 

Domingo (20/08)
14h30, 16h, e 17h30 - Oficina de Aquarela para crianças com a artista plástica e ilustradora Ju Barretto 

Serviço:
Corujices Brincante 
Local: Baby Bazar no estacionamento do Plaza Casa Forte 
17 a 20 de Agosto de 2017
Camisas Aldeias Infantis: R$20 (vinte reais)
Quinta-feira (17/08) - Pinturas das Camisas: 14h as 17h 
Quinta-feira (17/08) - Contação de Histórias: 16h
Oficinas: R$15 (quinze reais)
Sexta-feira (18/08) - Brincando com Arte: 14h30, 16h e 17h30
Sábado (19/08) - Ilustração para crianças: 14h30, 16h e 17h30
Domingo (20/08) - Aquarela para crianças: 14h30, 16h e 17h30
Vagas: 20 cada turma

Conheça o Aldeias Infantis - www.aldeiasinfantis.org.br - Uma Organização sem fins lucrativos, de promoção ao desenvolvimento social que trabalha desde 1949, na defesa, garantia e promoção dos direitos de crianças, adolescentes e jovens. O trabalho conta com o apoio financeiro de pessoas físicas que contribuem com um valor mensal, e por parcerias com empresas, que financiam projetos e convênios com o Poder Público.  Além do apoio financeiro, a Organização conta com a divulgação de embaixadores internacionais e nacionais. A obra surgiu com o educador Hermann Gmeiner, em Imst, Áustria, com o objetivo inicial de acolher crianças órfãs, vítimas da II Guerra Mundial. Com o passar do tempo o campo de atuação foi ampliado, com programas para famílias, comunidades, defesa de direitos e ações voltadas à saúde e nutrição, centros educacionais e promoção de direitos das mulheres, além do auxílio em emergências. Atualmente, em 133 países e territórios, são crianças em situação de vulnerabilidade social, que perderam ou estão prestes a perder os cuidados de suas famílias.

programa Rádio Matraquinha
programa Rádio MatraquinhaFoto: Gustavo Bettini/ Divulgação

Com o tema "Arte de chão - Da minha aldeia semeio o mundo" acontece o projeto Jornada Literária do Araripe, que homenageia o escritor Cícero Belmar.

O evento organizado pelo Sesc Pernambuco vai percorrer as cidades de Araripina, Ouricuri, Bodocó e Ipubi.

O objetivo da Jornada é estimular a leitura e escrita através do intercâmbio cultural. A programação conta com debates, oficinas, apresentações culturais até o dia 19 de agosto.

A Rádio Matraquinha participa da programação em Ouricuri e Bodocó nesta quinta e sexta-feira. Confira a programação completa:

14/08 (Segunda) - Araripina

14h - Cordel de todo tamanho - Susana Morais (Recife) e Diego Gibran (Recife) recebem Chico Pedrosa (Guarabira/PB)|Sesc Ler Araripina
14h - Assum preto teu cantar é tão livre como o meu - bate papo e récita com Fred Caju (Recife) e Tony Aldair (Araripina)|Escola Técnica Estadual Pedro Muniz Falcão
14h - A métrica também é livre - bate papo e récita com Gleison Nascimento (Recife) e Junior Baladeira (Ouricuri)|Escola Luiz Gonzaga Duarte - CERU
14h - Meu Reino pela Literatura - A Tropa do Balaco Baco (Arcoverde) emerge a obra de Cícero Belmar (Bodocó)|Pátio da Escola Professora Maria Luzanira Muniz Ramos
14h às 16h - Oficina O corpo é a terra da palavra com Rubi (Goiânia/GO)|Sala de Teatro/Dança - Sesc Ler Araripina
16h - Cortejo para o sol se por|Da Praça Dr. Pedro ao Sesc Ler Araripina
19h – Grupo Sementes Sonoras (Araripina)|AEDA/FAFOPA
19h30 - Belmar em primeira pessoa – Susana Morais (Recife) conversa com Cícero Belmar (Bodocó)|AEDA/FAFOPA
20h30 - Uma voz para ver e ouvir - o canto de Rubi (Goiânia/GO) |AEDA/FAFOPA

15/08 (Terça) - Araripina

08h às 12h - Oficina Artesania e Autonomia Editorial com Fred Caju (Recife) | Sala de Teatro/Dança – Sesc Ler Araripina
09h - A Passagem Secreta - uma manhã de histórias Susana Morais (Recife) e Diego Gibran (Recife) |Sesc Ler Araripina
09h - RE TE TEI - Teatro de bonecos com a com a Tropa do Balaco Baco (Arcoverde)|Praça do Hospital
14h - Meu Reino pela Literatura - A Tropa do Balaco Baco (Arcoverde) emerge a obra de Cícero Belmar (Bodocó)|Sesc Ler Araripina
14h - A métrica também é livre - bate papo e récita com Gleison Nascimento (Recife) e Junior Baladeira (Ouricuri)|Escola Técnica Estadual Pedro Muniz Falcão
14h - Assum preto teu cantar é tão livre como o meu - bate papo e récita com Fred Caju (Recife) e Tony Aldair (Araripina)|Escola Luiz Gonzaga Duarte - CERU
14h -A Passagem Secreta -uma tarde de histórias com Susana Morais (Recife) e Diego Gibran (Recife)|Pátio da Escola Professora Maria Luzanira Muniz Ramos
14h às 16h - Oficina O corpo é a terra da palavra com Rubi (Goiânia/GO)|Sala de Teatro/Dança - Sesc Ler Araripina
19h30 - De Bezerros a Roliúde- Cícero Belmar (Bodocó) conversa com Homero Fonseca (Bezerros)|AEDA/FAFOPA
21h - Quando a poesia e o riso nascem do chão - récita com Chico Pedrosa (Guarabira/PB)|AEDA/FAFOPA
22h - Arena da Poesia - Lunna Amorim (Araripina) acolhe Carlos Paixão (Araripina), Dona Terezinha (Araripina), Fred Caju (Recife), Gleison Nascimento (Recife), Juarez Nunes Costa (Ouricuri), Lala Modesto (Araripina), Liliane Dias (Araripina), Maury Rodrigues (Araripina), Ramirio Nunes (Ouricuri),Sebastião Dias (Araripina) e Vavá (Araripina) |The Casa do Vô Pub


16/08 (Quarta) - Ipubi

09h - A Passagem Secreta -uma manhã de histórias com Susana Morais (Recife) e Diego Gibran (Recife) |Escola Municipal Euzélia de Melo Campos
10h - Meu Reino pela Literatura - A Tropa do Balaco Baco (Arcoverde) emerge a obra de Cícero Belmar (Bodocó) |Escola Municipal Euzélia de Melo Campos
14h - Pegue um bigu na poesia -récita e roda de conversa com Fred Caju (Recife) e Gleison Nascimento (Recife) |Escola Arão Peixoto de Alencar
14h às 17h - Oficina de cordel com Susana Morais (Recife) e Diego Gibran (Recife)|Auditório da SMEJ (Secretaria Municipal de Educação e Juventude)
19h -RE TE TEI - Teatro de bonecos com a Tropa do Balaco Baco (Arcoverde) |Pátio da Igreja Matriz
20h - Um toró de versos com Chico Pedrosa (Guarabira/PB) |Pátio da Igreja Matriz
20h30 - Ritmo e Poesia -Hip Hop Colisão B. Boys (Araripina). Participação especial de Junior Baladeira (Ouricuri) |Pátio da Igreja Matriz

17/08 (Quinta) - Ouricuri

10h - A Rádio Matraquinha (Recife) recebe Cícero Belmar (Bodocó) numa conversa sem pé nem cabeça|Pátio do Colégio Doutor Jose Coriolano Sobrinho
10h - A Princesa do Reino da Pedra Fina e outras fantásticas histórias com Cia Agora Eu Era (Recife)|Centro Educacional Caminho Perfeito
14h - O menino e o poeta com Virgílio Siqueira (Ouricuri) e Davi Siqueira (Petrolina)|Pátio da Escola Dom Idílio José Soares
14h -Onde a poesia e a música se encontram- roda de conversa e récita com José Maria Almeida Marques (Buíque), Junior Baladeira (Ouricuri) e Neudo Oliveira (Ouricuri)|Pátio da EscolaMunicipal São Vicente de Paula
14h às 17h - A Rima Desenhada - oficina de cordel e ilustração com Susana Morais (Recife) eDiego Gibran (Recife)|EREM Fernando Bezerra
17h - RE TE TEI - Teatro de bonecos com a Tropa do Balaco Baco (Arcoverde)|Praça Padre Francisco Pedro da Silva - Praça da Igreja
17h30 -A poesia corre na rua - récita itinerante com Fred Caju (Recife), Gleison Nascimento (Recife), Junior Baladeira (Ouricuri), Neudo Oliveira (Ouricuri) e Tony Aldair (Araripina)|Praça Frei Damião
19h-Belmar em primeira pessoa - Mariane Bigio(Recife) conversa com Cícero Belmar (Bodocó)|Teatro Carlota Peixoto
20h - Palavras andantes - A Trup Errante (Petrolina) emerge a obra de Virgílio Siqueira (Ouricuri)|Teatro Carlota Peixoto
21h-Scopos com o grupo Triato (Araripina)|Teatro Carlota Peixoto

18/08 (Sexta) - Ouricuri

14h - A métrica também é livre - bate papo e récita com Gleison Nascimento (Recife) e Junior Baladeira (Ouricuri)|Colégio e Curso Alternativo
14h - O menino e o poeta com Virgílio Siqueira (Ouricuri) e Davi Siqueira (Petrolina)|Pátio da Escola Dom Helder
14h - O cordel no pátio da escola- Dilma de Caboclo (Ouricuri), Juarez Nunes Costa (Ouricuri) e Ramirio Nunes (Ouricuri)|Pátio doGinásio Municipal Moises Mendes
14h - Palavras Andantes - com a Trup Errante (Petrolina)|Pátio da Escola Dom Idílio José Soares
14h às 17h - A Rima Desenhada - oficina de cordel e ilustração com Susana Morais (Recife) eDiego Gibran (Recife)|EREM Fernando Bezerra
14h às 17h -Oficina Artesania e Autonomia Editorial com Fred Caju (Recife) |Auditório do CEREST
19h30-O escritor guarda um monstro na gaveta? palestra e leitura com Mário Rodrigues (Garanhuns) - vencedor do Prêmio Sesc de Literatura 2016|Teatro Carlota Peixoto
21h - Baião Mais Eu com Neudo e Elmo Oliveira (Ouricuri)|Teatro Carlota Peixoto

18/08 (Sexta) - Bodocó

07h30 - Uma Alvorada para Seu Bindô
09h às 12h - Oficina Artesania e Autonomia Editorialcom Fred Caju (Recife)|Sesc Ler Bodocó
09h às 12h - Oficina de cordel com Susana Morais (Recife) eDiego Gibran (Recife)|Colégio Municipal Antonia Lócio da Cruz
10h - Brincadeiras Tagarelas com a Rádio Matraquinha (Recife)|Sesc Ler Bodocó
10h - Histórias da Cachola com Stephany Metódio & Alexandre Revoredo (Garanhuns) |Intelectual Colégio e Curso
10h -As Rivais - Leitura dramatizada com o grupo Artimanha (Bodocó) e conversa com Cícero Belmar (Bodocó), homenageado da Jornada|Escola João Carlos Lócio
10h -A Princesa do Reino da Pedra Fina e outras fantásticas histórias com a Cia Agora Eu Era (Recife)|Escola Nova Dimensão
14h - A Rádio Matraquinha (Recife) recebe Cícero Belmar (Bodocó) numa conversa sem pé nem cabeça|Sesc Ler Bodocó
14h - Entre Cordas e Palavras - rética com Sarah Lopes & Davi Leandro (Bodocó)|EREM Arthur Barros Cavalcante
14h - Itinerário poético - roda de conversa e récita com José Maria Almeida Marques (Buíque),Solleany Andrade (Bodocó)e Soleanderson Andrade (Bodocó)|Escola Estadual Luiz Gomes Diniz - Sipaúba
15h - As Rivais - Leitura dramatizada com o grupo Artimanha (Bodocó) e conversa com Cícero Belmar (Bodocó), homenageado da Jornada|Escola João Carlos Lócio
15h - Histórias da Cachola com StephanyMetódio& Alexandre Revoredo (Garanhuns)|Escola Municipal São Francisco
19h30 - Novos Nordestinados - Marcus Accioly (Aliança) recebe os repentistas Antônio Marcos (Caruaru) e Nogueira Neto (Belo Jardim)|Sesc Ler Bodocó
21h -Uma noite de aboios - Antônio Santana (Granito), RonaldoAboiador (⁠⁠⁠Palmeirina)e VanderlanAboiador (Bodocó)|Sesc Ler Bodocó
22h -Pré-lançamento do disco Mixó de Davi Leandro (Bodocó) |Sesc Ler Bodocó

19/08 (Sábado) - Bodocó

10h - Histórias da Cachola com StephanyMetódio& Alexandre Revoredo (Garanhuns)|Várzea do Meio
10h30 - A Princesa do Reino da Pedra Fina e outras fantásticas histórias com a Cia Agora Eu Era (Recife)|Bairro de São Francisco
17h - História, causos e lendas com Cícero Belmar (Bodocó) e José Maria Almeida Marques (Buíque) |Fazenda FEBO
18h -Cantoria de Pé de Parede com Antônio Marcos (Caruaru) e Nogueira Neto (Belo Jardim)|Fazenda FEBO
19h- Uma peleja de voz e violão - Sarah Lopes (Bodocó) e Neudo Oliveira (Ouricuri)|Fazenda FEBO
20h -Da Ilha pra Cá -O samba de véio e o verso de terreiro (Petrolina)|Fazenda FEBO
21h - Isaar (Recife)|Fazenda FEBO

comece o dia bem informado: