Foram encontrados 188 resultados para "Blog Matraquinha":

livro infantil Carol Bradley
livro infantil Carol BradleyFoto: divulgação

Uma questão que tem inquietado pais e educadores nos dias atuais é como aproveitar os benefícios das novas tecnologias sem se desconectar da realidade. Sem a pretensão de dar respostas prontas, a escritora e jornalista Carol Bradley se aventura em uma narrativa infantil em busca de debater essa problemática sobre o ponto de vista dos pequenos. No próximo domingo (23), a partir das 16h, ela lança a publicação “Cadê Miguel?”, na Livraria Cultura do Shopping RioMar.

Mãe atenta à forma com que as crianças lidam com a tecnologia, com olhos vidrados nos joguinhos, a autora busca alertá-las sobre a importância de também prestar atenção à realidade que nos cerca. “Muitas vezes nossas crianças deixam de contemplar a natureza ou interagir com outras pessoas”, comenta. Na história, Miguel sai de casa jogando no celular, ele fica tão distraído, que quando a bateria acaba percebe que está no Japão! Ele cruzou o mundo e não reparou, escalou o Monte Everst, caminhou sobre uma sonolenta baleia, andou por um rio colorido, mas estava tão envolvido com os jogos, que não prestou atenção em nada.

Diante do fenômeno, a Sociedade Brasileira de Pediatria já lançou um manual sobre a saúde das crianças e adolescentes na era digital, orientando que a exposição passiva às telas digitais ocorram a partir dos dois anos, com tempo limitado. Segundo a entidade, o ideal é que até os cinco anos esse tempo de exposição seja de no máximo, uma hora por dia, evitando o momento das refeições e antes de dormir, para não prejudicar o sono.

Pais e mães, entretanto, sabem o quanto é difícil cumprir essas recomendações. Quando as crianças estão entretidas com os jogos, normalmente ficam quietinhas e isso representa um sossego para os pais já tão cansados com as responsabilidades profissionais e familiares. “Por isso me dediquei a fazer esse alerta. Acredito que cada família, dentro do possível, deve oferecer outras formas de diversão aos pequenos: brincar com outras crianças, no parque, na praia, sem dúvida é muito mais construtivo para o desenvolvimento deles”, defende Carol.

SERVIÇO
Lançamento do livro infantil “Cadê Miguel?”
Com contação de história por Ilana Ventura
Local: Livraria Cultura do shopping RioMar
Data: 23 de setembro (domingo)
Horário: das 16h às 19h

Fenelivro
FenelivroFoto: Ashely Melo/ Divulgação

A Fenelivro também é lugar de criança. Além de variados títulos infantis que estão disponíveis nos estandes, tem programação especial para os pequenos neste sábado e domingo (22 e 23). O Cantinho da Trela é o espaço direcionado para os pequenos que desejarem ouvir e ler histórias ou curtir uma apresentação musical. Além do palco, que recebe nos dois dias o grupo de contação de histórias Tapete Voador, vários brinquedos com acesso gratuito estarão disponíveis.

Os livros Pipo, o troca-chupetas, A história de uma boca e Pequeninas histórias para gente pequenina, todos lançados pela Cepe Editora, serão interpretados pelo Tapete Voador. No domingo à tarde, o poeta e compositor Alexandre Revoredo lança seu primeiro livro infantil, Dianimal (Cepe Editora), com ilustrações de Stuart Marcelo. Os hábitos curiosos dos animais diurnos e noturnos são apresentados em versos rimados. O livro tem formato diferenciado, é interativo e se transforma em jogo. Além dos autógrafos, o autor também contará a história no palco.

Também pensando nas crianças, a Editora IMEPH montou uma carreta-palco, que fica próximo ao Cantinho da Trela. Às 15h30 do sábado tem contação de histórias com a dupla Susana Morais e Diego Gibran. No domingo, será oferecida uma oficina literária para o público infantil a partir das 10h30. Às 11h, a escritora Camila Inojosa lança o livro Lápis mágico e, para finalizar a programação, tem mais contação de histórias às 15h30 com Paulo André Viana.

Além da programação direcionada, será lançada no Café Literário do domingo, às 15h, a HQ Eba! Eu vi meu time ser campeão, que celebra os 10 anos da Copa do Brasil conquistada pelo Sport. Marcelo Cavalcante e Mano Lee descrevem a emoção de duas crianças torcedoras que, na época, sonhavam em ver uma partida do time no estádio. O objetivo é passar a emoção aos pequenos torcedores de hoje, que não chegaram a viver este momento.

ESPAÇO GEEK

O Power-Kon Recife mais uma vez participa da programação da Fenelivro. Nesta edição o espaço geek está homenageando os 30 anos da franquia Street Fightere disponibiliza diversos consoles, antigos e modernos, para que o público possa experimentar o game. No sábado, das 14h às 17h, o palco principal recebe apresentação de K-Pop, concurso de cosplays, interação do elenco da peça Peter Pan e karaokê.

A Feira Nordestina do Livro funciona das 9h às 21h, no Centro de Convenções de Pernambuco. A entrada é pelo portão H e o acesso é gratuito.

Programação Cantinho da Trela (Espaço infantil)

Sábado, 22.09

16h - Apresentação do grupo Tapete Voador e contação de histórias dos livros Pipo, o troca-chupetas (Cepe), de Tatiana Sotero; e A história de uma boca (Cepe), de Ana Valéria Fink.

Domingo, 23.09

11h - Apresentação do grupo Tapete Voador e contação de histórias do livro Pequeninas histórias para gente pequenina (Cepe), de Xico Bizerra.

15h - Lançamento do livro Dianimal (Cepe), com contação do autor do livro, Alexandre Revoredo.

Diversão em alto mar
Diversão em alto marFoto: divulgação

Está aberta a temporada de verão e junto com ela o Shopping Guararapes recebe um cruzeiro para lá de divertido a partir da próxima sexta-feira, 07/09. Cheio de aventuras, com escorregos, cordas e obstáculos, além de um imenso mar azul de bolinhas, o evento Diversão e Alto Mar fica na Praça de Eventos do mall até o dia 15/10.

Basta entrar no mar de bolinhas para a diversão começar, mas para a criançada que gosta de uma boa aventura, o brinquedo conta com um labirinto cheio de obstáculos, subidas que são feitas por cordas e ainda jogos com itens infláveis, como vôlei. Para brincar é R$ 18,00 por 15 minutos + R$ 1,00 cada minuto adicional e podem participar crianças de todas as idades. As menores de 4 anos devem entrar acompanhadas pelo responsável.

Dianimal lançamento Cepe
Dianimal lançamento CepeFoto: Divulgacao

Há dez anos trabalhando com música e poesia, Alexandre Revoredo envereda agora pelo mundo da literatura infantil com Dianimal, livro que será lançado pela Cepe Editora no próximo dia 16, a partir das 9h, dentro da programação do Domingo dos Pequenos no Museu, que acontece no Museu do Homem do Nordeste, em Casa Forte. Ilustrado pelo designer Stuart Marcelo, Dianimal explora de forma lúdica e divertida os hábitos dos animais do dia e da noite.

Em versos rimados, escritos em quadras ou em formato de haikais, o livro apresenta a poesia às crianças. Para o autor, uma experiência simples quando estimulada. “Música e poesia andam juntos, então as crianças quando se interessam pelas melodias, começam a decorar as histórias contadas nas canções e até fazem suas próprias rimas”, garante.

O formato diferenciado do livro, uma proposta editorial da Cepe, permite ainda que o livro possa ser lido na ordem que o leitor desejar. Ao todo, são 24 animais, 12 que aparecem durante o dia e outros 12 noturnos, sendo assim, um animal para cada hora do dia. As páginas vêm em formato de cartão dentro de uma caixa, possibilitando uma maior interação entre pais e filhos, por exemplo. “Além do mais, professores podem usar o livro como ferramenta lúdica no processo de alfabetização e introdução à poesia. O texto é todo escrito em caixa alta com o objetivo de facilitar a leitura das crianças mais novas, entre cinco e sete anos”, destaca o editor da Cepe, Wellington de Melo. Este é o primeiro livro editado pela companhia com um formato não-convencional e que não se esgota na leitura: ele também se transforma em jogos. “É semelhante a um baralho, e no fim da leitura as páginas, que são feitas com papel mais resistente, se transformam em peças de um quebra-cabeças oculto e um jogo da memória”, completa Wellington de Melo.

Dianimal é um dos 46 títulos infantojuvenis que a Cepe Editora lançou em 2018 e até dezembro serão publicados outros sete, concluindo o ano com mais de cinquenta livros no catálogo voltado para esse público. O investimento na formação de novos leitores com pensamento crítico também é um dos objetivos do autor Alexandre Revoredo. “Eu sempre procurei fazer arte para além do entretenimento e espero que seja assim com Dianimal. Todo trabalho que nos tira de um lugar comum e nos coloca a pensar as coisas de forma diferente é um ato político”, explica.

O lançamento, no evento Domingo dos Pequenos no Museu – realizado em parceria com o Museu do Homem do Nordeste - será acompanhado de apresentação de música de Alexandre Revoredo música e contação da história. Segundo o poeta, já surgiram novas canções que dialogam com a história do livro infantil. Outra novidade são as continuações de Dianimal. “Pretendemos fazer uma trilogia, seguindo o formato interativo do primeiro livro e mantendo a distinção entre animais de dois ambientes diferentes”.

SERVIÇO

Lançamento do livro Dianimal no Domingo dos Pequenos no Museu

Quando: 16 de setembro
Horário: A partir das 9h
Onde: Museu do Homem do Nordeste
Endereço: Avenida Dezessete de Agosto, 2187, Casa Forte

Preço do livro: R$ 28 (livro impresso) / R$ 8 (E-book)

Orquestra Arruando
Orquestra ArruandoFoto: divulgacao

Domingo, 16 de setembro, é dia de cair no frevo! A terceira edição do projeto “Recife do Frevo e do Passo”, em que a Orquestra Arruando se apresenta quinzenalmente, a partir das 15h30, no Marco Zero, celebra o Dia Nacional do Frevo, comemorado dia 14 deste mês – a data também marca a despedida do Maestro Nunes, Mestre-Vivo do Frevo, falecido há dois anos. Em sua homenagem, a Arruando executará algumas de suas composições, como “Cabelo de Fogo”, um hino nas ladeiras de Olinda e nas ruas do Recife Antigo durante o Carnaval. Como valorização da nossa cultura, a Arruando abre a festa para o Mestre Zeca do Rolete, que mostra seu coco de roda. Patrocinada pela Lei Rouanet, do Ministério da Cultura, a 1ª temporada do projeto segue até novembro.

O compositor, arranjador e maestro José Nunes de Souza era um dos sete Mestres-Vivo do Frevo. Nascido em 1931, em Vicência, Zona da Mata Norte, começou a carreira musical aos 9 anos e se mudou para o Recife aos 19, quando intensificou a projeção artística. Foi um dos fundadores da Banda da Cidade do Recife. Nos anos 1960, participou do Movimento de Cultura Popular, acompanhado de Francisco Brennand, Ariano Suassuna, Hermilo Borba Filho, Abelardo da Hora. Em 1972, criou a Escola Musical de Frevo. A obra extensa contabiliza cerca de 3 mil frevos. O Maestro Nunes foi o homenageado do Carnaval do Recife em 2007 e recebeu o título de Patrimônio Vivo de Pernambuco, em 2009. Aos 85 anos, faleceu no dia 14 de setembro em 2016, coincidentemente no Dia Nacional do Frevo.

O coco do Mestre Zeca do Rolete fará participação especial no show da Arruando, dentro da proposta de promover os ritmos da cultura pernambucana. Aos 75 anos, José Galdino dos Santos, intitulado Mestre-Vivo pelo Ministério da Cultura, nasceu e cresceu no coco. Seguiu os passos dos familiares e repassou o aprendizado para os filhos e netos. Batalha com entusiasmo para a preservação do coco. “Seguro como uma obrigação de levar o coco de roda como expressão da cultura brasileira”, defende o artista.

Nesta terceira edição do projeto Recife do Frevo e do Passo, além do aulão de frevo, oferecido em todos os shows da Arruando, o Mestre Zeca ensinará passos do coco. Haverá distribuição de cartilhas com as letras das músicas e de 120 sombrinhas para o público presente.

PROJETO – Sob comando do maestro Kidbone e com destaque para o Mestre-Vivo do Frevo Edson Rodrigues no saxofone, a Orquestra revisita em seus shows clássicos de Capiba (“Madeira que Cupim não Rói”, “Oh, Bela”), Nelson Ferreira (“Evocação Nº 1”) e Luiz Bandeira (“Voltei, Recife”, “É de Fazer Chorar”), entre outros, ao mesmo tempo em que transita por músicas da atual safra do ritmo. O repertório também contempla composições inéditas e autorais da Arruando. O projeto ocorre no Marco Zero até o dia 4 de novembro, com shows completos de frevo, com 40 artistas em cena, entre músicos, maestro, passistas e cantores, além de uma equipe de 15 profissionais nos bastidores, como diretor musical, equipe de administrativo e comunicação

Na véspera do show, no sábado (15), os 30 músicos da Orquestra Arruando farão um ensaio aberto no Marco Zero, quando estudantes e profissionais de música podem levar seus instrumentos para tocarem juntos. Também o Grupo Arruando de Passo, formado por dez passistas, comanda ensaio seguido por aulão de frevo. O encontro será das 15h às 18h.


SOBRE A ORQUESTRA – Criada em 2013 com a meta de implementar um projeto permanente de valorização do frevo (música e dança), a Orquestra Arruando conseguiu realizar 32 shows no Marco Zero, numa luta incansável por apoios e patrocínios. A 1ª temporada deste novo projeto se dá através do Governo Federal (Ministério da Cultura / Lei Rouanet), dos patrocínios da Cervejaria Ambev, Eletrobras Furnas e Raça Distribuição, com apoio institucional da Prefeitura do Recife.


Ficha técnica
Direção Artística | Nilo Otaviano.
Direção Executiva | Fernando Estelita e Valéria Correia.
Regência e Arranjos | Melquíades Oliveira (Kidbone).
Saxofones | Edson Rodrigues, Danilo Nascimento, David Pedro, Fábio Andrade, Júnior Souza, Murilo Apolinário e Rodrigo Xavier.
Trompetes | Anderson Vieira, David Barbosa, Jefferson Silveira, Luiz Antônio e Hugo Nascimento.
Trombones | Geony Melo, Thaison Vitor, William Gabriel, Elexsandro Souza e Ilana Marques.
Percussão | Jakkaré, Natalício Sales e Verton Batera.
Baixo Elétrico | Wellington Moraes.
Guitarra | Bené Sena.
Tuba | Alex Santana.
Teclado | Ricardo D’Souza.
Vozes | Nilo Otaviano, Vânia Veríssimo e Louro Castro.
Coro | Maíra Meira, Maju Gomes e Rossônia Kelly.
Coreografia | Émerson Dias.
Passistas | Duda Ramos, Elizeu Araújo, Fernanda Damasceno, Heitor Henrique, Ísa Oliveira, Karina Dias, Madson Lopes e Rayara Suyene.

Agenda de shows – 1ª temporada
Marco Zero, domingos, das 15h30 às 18h.

19 de agosto
2, 16 e 30 de setembro
14 de outubro
4 de novembro
*o show que seria dia 28 de outubro acontecerá em 4 de novembro devido ao 2º turno das eleições

SERVIÇO
Show da Orquestra Arruando
* Com participação do Mestre Zeca do Rolete
Dia 16 de setembro (domingo), das 15h30 às 18h
No Marco Zero – Bairro do Recife
Acesso gratuito

Lorena Queiroz, protagonista de 'Carinha de Anjo'
Lorena Queiroz, protagonista de 'Carinha de Anjo'Foto: divulgacao

Lorena Queiroz, protagonista da novela “Carinha de Anjo”, vem ao Recife para passar uma tarde com seus fãs. Dia 16 de setembro, às 16h, no Terraço de Eventos do Shopping Recife, ela faz um pocket show, quando irá cantar, bater um papo e tirar fotos com a meninada.

Natural de Pedreira, interior de São Paulo, Lorena entrou no mundo da moda aos 4 anos, quando foi convidada a integrar o casting de uma agência de modelos. Representou sua cidade no Mini Miss São Paulo e saiu vitoriosa. Passou a fazer campanhas publicitárias e catálogos até que realizou um teste no SBT e se transformou em Dulce Maria, personagem principal de “Carinha de Anjo”, novela que foi ao ar de novembro de 2016 a junho de 2018. De maio a março deste ano, a garota, hoje aos 7, participou do musical “A Noviça Rebelde”, interpretando Marta Von Trapp.

No encontro com os fãs do Recife, Lorena cantará músicas como “Quarto Bagunçado”, “Cabine do Amor”, “Não Tenho Medo de Nada” e “Arco-Íris” em show com participação do Ballet Jeane Barbosa.

SERVIÇO
Uma Tarde com Lorena Queiroz
Dia 16 de setembro (domingo), às 16h
Terraço de Eventos do Shopping Recife
Informações: (81) 3182.8020

Ingressos – primeiro lote, até 9 de setembro:

Para o pocket show:
Cadeira especial: R$ 120 e R$ 60 (meia)
Cadeira: R$ 100 e R$ 50 (meia)

Para Meet and Greet (foto + pôster autografado): R$ 100

* À venda na Ticketfolia (quiosques nos shoppings Recife e Guararapes; estandes nas lojas Riachuelo dos shoppings RioMar, Boa Vista e Tacaruna), na bilheteria do Teatro Guararapes e no site www.eventim.com.br. Sem taxa de conveniência: Ticketfolia do Shopping Recife e bilheteria do Teatro Guararapes.

Mundo Bita Novas Descobertas
Mundo Bita Novas DescobertasFoto: Divulgacao

Os primeiros anos de vida são feitos de aprendizados. Pensando nisso, o Mundo Bita apresenta sua nova temporada de shows, dessa vez com o tema “Viva as Descobertas”. A estreia será no Teatro Luiz Mendonça (Parque Dona Lindu), nos dias 22 e 23 de setembro; e os ingressos já estão à venda.

Idealizado pela Mr. Plot, as apresentações ganham músicas inéditas, novos diálogos entre os personagens e muita interação com o público, estimulando o que há de mais importante nessa fase: as descobertas em relação ao mundo.

Com cenário e repertório repaginados, o musical destaca melodias e conteúdos autorais que abordam temáticas do universo infantil, como os clássicos “Fazendinha” - que de forma criativa e educacional apresenta para as crianças o dia a dia na fazenda - e “Dinossauros” - que conta, de maneira lúdica, a história do período em que os dinossauros habitaram a Terra -. Pela primeira vez nos palcos estão “Trem das Estações”, e músicas do álbum ‘Bita e Nosso Mundo’ como “Nossa Casa” e “Tô Dodói”, que deixam os momentos de aprendizado ainda mais divertidos.

Para Chaps Melo, diretor de criação do Mundo Bita e um dos sócios da Mr. Plot, estúdio que desenvolve e produz todo o conteúdo da marca, o show surpreenderá os papais e as mamães que são ansiosos por novidades. “Temos uma apresentação totalmente nova, pensada para aquele público que já é fã do Mundo Bita e para aqueles que acabaram de chegar!”, comenta Chaps.

Durante o espetáculo, que tem cerca de uma hora e dez minutos, Bita, Tito, Dan, Lila e Flora recebem no palco alguns personagens surpresa, como a vaquinha o dinossauro e o bichinho do dodói. "O Bita aparece como personagem principal, e o restante da turminha ganha ainda mais espaço na narrativa, fazendo com que as crianças mergulhem na história", explica o roteirista João Henrique Souza.

Ao todo, são 14 hits interpretados por Flora, personagem que dá voz às canções. “As músicas do novo espetáculo foram definidas com a ajuda dos espectadores, que elegeram suas canções preferidas por meio de enquetes nas redes sociais da animação. “Xic, Xic, Xic”, que estimula os pequenos a escovar os dentes, é uma das interpretações que voltam ao show desta temporada”, conta Chaps, reforçando a importância da interação com os seguidores, essencial para estar mais perto dos fãs e estreitar um relacionamento de carinho, cumplicidade e crescimento.

Hoje, o Mundo Bita acumula mais de 2 bilhões de visualizações no Youtube em seu canal em português. Além disso, detém outro canal com conteúdo em espanhol e está presente em plataformas como Discovery Kids, Netflix, TV Brasil, Deezer e Spotify.

SERVIÇO

NOVA TEMPORADA DO SHOW DO BITA – “VIVA AS DESCOBERTAS”
Dias 22 e 23 de setembro de 2018 (Sábado e Domingo)
Horário: 17h
Local: Teatro Luiz Mendonça / Parque Dona Lindu (Av. Boa Viagem, S/N – Recife)
Informações: (81) 3132.7772
Classificação Indicativa: Livre

INGRESSOS: R$ 35,00 (Meia) | R$ 70,00 (Inteira)

PONTOS DE VENDA
Tip Top – (Shoppings Recife e RioMar)
Segunda a sábado: Das 9h às 22h | Domingo: Das 12h às 21h

Bilheteria Digital – (Shopping Plaza – Quiosque piso L3)
Segunda a sábado: Das 10h às 22h | Domingo: Das 12h às 20h

Site: www.bilheteriadigital.com/showdobitarecife

As vendas na bilheteria do Teatro só acontecerão nos dias do evento, a partir das 13h.

Mini Rock Tum Tum Pá
Mini Rock Tum Tum PáFoto: Divulgacao

Os fãs da banda infantil Mini Rock podem se animar porque vem novidade por aí. O grupo lança, no sábado, 15 de setembro, o CD Tum Tum Pá – Os Direitos da Criança Para Saber e Cantar, no terraço de eventos do Shopping Recife. O novo trabalho é fruto de um projeto desenvolvido em parceria pela Mini Rock e a Organização de Auxílio Fraterno (OAF Recife).

Tendo os direitos da criança como mote, o projeto Tum Tum Pá rendeu a gravação de um DVD, ao vivo, durante show no Teatro do Imip, em junho. O resultado obtido durante a gravação das músicas, compostas especialmente para o trabalho, e gravadas no Estúdio Carranca, ficou tão bom que o grupo resolveu lançar um CD independente, com a participação de crianças.

“As canções falam sobre os direitos mais básicos dos pequenos, os que todo mundo deve aprender. Todas as músicas têm interação e a participação das crianças e abordam o universo infantil, ao mesmo tempo em que falam da necessidade de garantirmos que esses direitos sejam respeitados”, detalha Cláudia Soul, a Cacau, vocalista da Mini Rock.

O show de lançamento no Shopping Recife levará ao palco quatro crianças. São elas: Maria Alice Salles, Isadora Monteiro, Mariana Cardozo e Vinicius Souza. Na apresentação, serão mostradas as dez músicas originais do CD, abordando, de maneira lúdica e divertida, os principais direitos da garotada.

Carro-chefe do álbum, a música Toc Toc Toc Toc desperta um carinho singular em Cacau por ter sido a primeira composta para o projeto. “Nela eu canto sobre as crianças terem direito a moradia, família e sociedade. É uma das que eu mais gosto de cantar”, confidencia.

Já Doutor Amigo aborda o direito ao acesso a saúde. “É um rock’n’roll bem rockabilly. A criançada gosta muito de dançar com ela, que fala sobre fazer uma visita ao nosso ‘doutor amigo’, o médico que nos ajuda quando estamos doentes”, explica Cacau.

Outra faixa, conta Cacau, tem um significado especial para a cantora. Tum Tum Pá, que dá nome ao projeto, foi escrita quando a vocalista tinha apenas 12 anos de idade e faz com que ela relembre com carinho essa fase de iniciação musical.

“Quando comecei a escrever as músicas, lá no comecinho do projeto, essa canção sempre vinha à minha cabeça. Engraçado que foi uma música que fiz ainda menina, quando brincava de me apresentar para a família, em casa. Sabe aquela coisa de montar um show em casa para apresentar pra todo mundo? Resgatei ela, fiz alguns pequenos ajustes e ela acabou dando nome ao CD e ao DVD”, relata a cantora.

Além das três músicas citadas, o CD traz ainda as faixas Você Sabe (você sabe que eu tenho direitos?), Toda Criança Tem Direito de Ser Criança, É Diferente Mas É Igual, Eu Sou Livre, Brincar e Estudar, Comeu e Vamos Conversar.

Cláudia Soul divide a responsabilidade de fazer rock para a garotada com Leandro Melo (guitarra), Jorge Rodrigues (baixo) e Jô Pinto (bateria e instrumentos de brinquedo). Antes de Tum Tum Pá – Os Direitos da Criança Para Saber e Cantar, a banda já lançou CD, EP e DVD com o nome da banda, e ainda o EP Mini Rock Canta Beatles.

“O disco é todo autoral e reforça esse desejo nosso de fazer rock para criança. É rock de verdade, sem nenhuma licença. O que muda são as letras das músicas, o figurino infantil. O disco ficou todo muito legal, diversificado, conseguimos fazer nos arranjos uma variação bacana de estilos do universo do rock. Ficamos muito satisfeitos e estamos doidos pra mostrar o resultado pra todo mundo!”, comenta a vocalista.

Cacau enxerga a música como uma ferramenta para desenvolver diferentes habilidades, principalmente nas crianças. “A música é uma facilitadora. Se você tem alguma dificuldade de relacionamento ou aprendizado, por exemplo, ou vontade de expressar um sentimento, tudo pode ser feito através da música. A criança tem essa maior necessidade de extravasar o que sente e a música flui bem nesse sentido. Considero educação musical para crianças imprescindível”, diz.

Para ela, a participação da garotada no estúdio e no palco é essencial. “A gente sempre se preocupou com a presença infantil nos nossos projetos porque o rock é uma música adulta, então é preciso ter essa referência para criar uma mistura legal de identificação. Para eles, é tudo uma grande brincadeira”, encerra Cacau.

Os ingressos para o show de lançamento do álbum Tum Tum Pá – Os Direitos da Criança Para Saber e Cantar custam a partir de R$ 25 e estão sendo vendidos pelo site da Eventim e em quiosques do Ticket Folia. Crianças de até dois anos de idade têm entrada franca.

SERVIÇO
Show de lançamento do CD Tum Tum Pá – Os Direitos da Criança para Saber e Cantar, da banda Mini Rock – Sábado (15/9), às 16h, no terraço de eventos do Shopping Recife (Rua Padre Carapuceiro, 777, Boa Viagem). Ingressos: R$ 25 (meia-entrada), R$ 50 (adulto) e R$ 120 (pacote família: 2 adultos + 2 crianças). Crianças de até 2 anos não pagam. À venda no www.eventim.com.br, na Bilheteria do Teatro Guararapes, quiosque do Ticket Folia dos Shoppings Recife e Guararapes e stand do Ticket Folia nas lojas Riachuelo dos Shoppings Boa Vista, Tacaruna e RioMar.

FICHA TÉCNICA - CD TUM TUM PÁ

Argumento – Ana Areias

Músicas - Autoria: Cláudia Soul / Arranjos: Mini Rock

01 – VOCÊ SABE (você sabe que eu tenho direitos?)
02 – TODA CRIANÇA TEM DIREITO DE SER CRIANÇA (Toda criança tem direito ao esporte e lazer)
03 – TOC TOC TOC TOC (Toda criança tem direito à moradia, família e sociedade)
04 – É DIFERENTE, MAS É IGUAL (Todas as crianças são iguais e têm os mesmos direitos, não importa sua cor, raça, sexo, religião, origem social ou nacionalidade)
05 – EU SOU LIVRE (Toda criança tem direito à liberdade)
06 – DOUTOR AMIGO (Toda criança tem direito à Saúde)
07 – BRINCAR E ESTUDAR (Toda Criança tem direito à Educação)
08 – COMEU (Toda criança tem direito à alimentação)
09 – VAMOS CONVERSAR (Toda criança deve ser protegida da violência doméstica)
10 – TUM TUM PÁ (Toda criança tem direito à cultura)

Banda Mini Rock
Cláudia Soul (Cacau) – voz principal e vocais / instrumentos de brinquedo
Leandro Melo - guitarra
Jorge Rodrigues - baixo
Jô Pinto – bateria / instrumentos de brinquedo

Crianças
Alice Areias
Isadora Monteiro Peixoto
Luíza Areias
Maria Alice Salles
Mariana Cardozo
Vinícius Souza

Direção de Arte e Desenhos
Sofia Lobo
Produção Executiva
Carla Navarro

Este CD foi gravado no Estúdio Carranca – Recife/PE em Março de 2018
Bruno Lins – técnico de gravação
Vinícius Aquino – mixagem e masterização

Trupe Circus na EPC
Trupe Circus na EPCFoto: Divulgacao

A Escola Pernambucana de Circo celebra seus 22 anos de existência com muitas atrações, no próximo domingo (2), às 15h. A data será marcada com o projeto Domingo Alegre no Circo, de atividades culturais variadas, que acontece na sede da Escola, bairro da Macaxeira, com entrada gratuita, aberto ao público.

A programação conta com performances dos artistas da Trupe Circus, apresentando número de pirâmides, e ainda convidados muito especiais trazendo dança, pirofagia, palhaçaria e, o tradicional bingo. A pirofagia fica a cargo do Coletivo Bartira; As palhaças Bruníssima e Crécia apresentam a esquete O Caçador; os palhaços Sem Nome e Carambola divertem o público apresentando O Apito e O Vidente. A integrante da Trupe Circus, Amanda Portela, apresenta um número de Dança do Ventre Fusion, e traz os convidados Alê Carvalho, com a Dança Tribunal Fusion, e Jadson Gomes, com a Dança do Ventre.

Sobre a EPC - A Escola Pernambucana de Circo (EPC) surgiu em 1996 com a missão de promover a inclusão de crianças, adolescentes e jovens das classes populares por meio das artes, especificamente o circo, fortalecendo a identidade cultural, o vínculo social e os valores da cidadania. A Escola possui um trabalho consolidado de atendimento a mais de 100 crianças, adolescentes e jovens.

Serviço:
Domingo Alegre no Circo
Domingo, 02 de setembro, 15h
Entrada Gratuita
Sede da EPC: Av. José Américo de Almeida, N. 05, Macaxeira - CEP: 52090-320
Fone: (81) 3266.0050 / 3034.3127

Tardes no Jardim
Tardes no JardimFoto: Divulgação

O uso da tecnologia vem transformando o nosso dia a dia e causando impacto, inclusive, no modo de agir e de brincar das crianças. As brincadeiras tradicionais ao ar livre foram perdendo espaço entre as novas gerações. Para resgatá-las, o Plaza Shopping promove, nos dias 15, 16, 22 e 23 de setembro, no jardim do piso L2, as Tardes no Jardim. Os ingressos devem ser comprados antecipadamente na Bilheteria Digital online (www.bilheteriadigital.com/tardesnojardim) ou na loja deles no piso L3 do centro de compras.

O jardim será decorado de forma lúdica para que as crianças possam entrar no clima de piquenique e muita diversão. O espaço será dividido em dois ambientes. No primeiro, serão realizadas brincadeiras e recreação educativa em que as crianças de 3 a 10 anos aprenderão brincando. Todas terão uma hora para ficar no espaço com diversas atividades. Será possível aprender a importância de uma boa alimentação, entender melhor as Formas Geométricas; descobrir as Profissões; trabalhar em equipe com os Números, Vogais, Consoantes e as Cores; e aprender noções de Educação para o Trânsito.

Também será possível aprender a relação entre imagem e texto ou encontrar figuras que correspondam à descrição no Significado das Coisas; e as Partes do Corpo Humano usando a construção de palavras. Depois das brincadeiras, as crianças serão direcionadas para o segundo espaço, onde poderão brincar na área de recreação, assim como fazer um piquenique com os acompanhantes.

INGRESSOS ANTECIPADOS - Cada tíquete custa R$30,00 e dá direito a entrada de uma criança e um adulto acompanhante, além de um kit lanche. Também haverá ingressos avulsos para adultos pelo valor de R$ 5,00. Serão três sessões por dia de evento (15h30, 16h30 e 17h30), cada uma com uma hora de duração. Os ingressos são limitados. Todas as atividades são realizadas em parceria com A Caixa Eventos, especialista em entretenimento para eventos infantis, e contam com o apoio da Capricche e da Palmeiron.

SERVIÇO:
Tardes no Jardim
Dias 15, 16, 22 e 23 de setembro. (Três sessões por dia de evento: 15h30, 16h30 e 17h30), cada uma com uma hora de duração
Local: No jardim do piso L2 do Plaza Shopping
Faixa etária: crianças de 3 a 10 anos
Ingressos: R$ 30,00 (Criança + Adulto + Kit lanche). Aquisição antecipada na Bilheteria Digital (loja do Piso L3 do Plaza Shopping) ou no www.bilheteriadigital.com/tardesnojardim

comece o dia bem informado: