Foram encontrados 12 resultados para "Novembro 2017":

Protesto dos candidatos ao TJPE
Protesto dos candidatos ao TJPEFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

Depois de denúncias de irregularidades, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) publicou portaria, no Diário Oficial desta sexta (24), na qual resolve investigar, sob sigilo, o concurso para o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). O certame foi realizado no último dia 15 de outubro pelo Instituto Brasileiro de Formação e Qualificação (IBFC), e teve 179.548 inscritos concorrendo a 109 vagas.

Leia também:
Polícia investiga fraude no concurso do TJPE
Sai resultado do concurso do TJPE; confira o listão
Ministério Público investiga concursos públicos em Pernambuco


Na publicação, o MPPE divulgou que vai analisar documentos encaminhados à procuradoria, incluindo "aquelas denúncias em que o (a) denunciante tenha se mantido em anonimato" e outros que venham a ser anexados. O MPPE vai notificar o Tribunal e o IBFC para que conheça o conteúdo do inquérito e fará um levantamento minucioso de provas.

Entre a documentação que deverá ser levantada na investigação estão o estatuto de constituição do IBFC, a lista de todos os candidatos inscritos que compareceram e seus respectivos locais de prova, assim como minucias como o livro de ocorrências, registros ou denúncias havidas em cada prédio onde foram aplicadas as provas, a quantidade de detectores de metal utilizados em cada prédio. Este é um dos pontos que receberam reclamações dos candidatos, a ausência desses aparelhos nos locais de provas, assim como identificação nas folhas de redação, contrariando o que estava previsto no edital do concurso.

Universidade de Pernambuco, UPE
Universidade de Pernambuco, UPEFoto: Arquivo Folha de Pernambuco

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou, em publicação no Diário Oficial deste sábado (18), a anulação do concurso público realizado pela Universidade de Pernambuco (UPE) em 1º de outubro deste ano devido a suspeitas de fraude. Segundo o MPPE, quatro sobrinhos de membros da comissão de seleção foram aprovados no concurso.

Leia também:
MPPE investiga possíveis irregularidades no concurso da UPE

A recomendação da promotora de Justiça Andrea Padilha, direcionada ao "Secretário de Administração do Estado de Pernambuco e ao Magnífico Reitor da Universidade de Pernambuco" e ao Instituto de Apoio à UPE (IAUPE, organizadora das provas) é de que a prova seja anulada no prazo de 10 dias úteis, a contar da ciência da recomendação, de "todas as provas realizadas no concurso público para o cargo de assistente técnico em gestão universitária na função assistente administrativo realizados no âmbito do concurso público visando a nomeação em caráter efetivo para os referidos cargos no âmbito da Universidade de Pernambuco regulamentados pelo edital portaria conjunta SAD/ UPE 045/2017, anulando consequentemente os resultados obtidos para esse cargo/função". Orienta ainda que as provas sejam refeitas a partir da publicação de novo cronograma.

Para a recomendação, a promotora considerou que a aprovação dos candidatos com parentesco com membros da comissão é uma "violação frontal de princípios constitucionais, sendo desnecessária a demonstração de prejuízo ou favorecimento de quem quer que seja".

O concurso público previa contratação, para cargo efetivo, de 157 profissionais para cargo de analista técnico em Gestão Universitária, 222 para cargo de assistente técnico em gestão universitária e nove para cargo de médico, todos para atuação na UPE.

Agência de Trabalho de Paulista
Agência de Trabalho de PaulistaFoto: Divulgação/Prefeitura do Paulista

A Agência do Trabalho de Paulista oferece, nesta quinta-feira (16), 41 vagas de emprego. São 30 vagas para auxiliar de logística e dez para técnico de manutenção industrial. O atendimento ao público da agência, que fica localizada na praça Frederico Lundgren, s/n, no centro de Paulista, no Grande Recife, é de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h.

Para concorrer às vagas, os interessados devem ter ensino médio completo e se dirigir à sede do órgão. Ainda há uma vaga para auxiliar administrativo para pessoas com deficiência. Os requisitos para esta vaga são ensino médio completo e seis meses de experiência comprovados na carteira de trabalho. As remunerações das vagas não foram divulgadas.

Leia também:
Com um cartaz nas mãos, mulher pede emprego no Recife
Crise provocou desemprego maior entre os negros, diz Dieese


Para mais informações, o número disponibilizado pela agência é o (81) 3183.7201.

TCE-PB
TCE-PBFoto: Divulgação

Começam às 10h desta terça-feira (14) as inscrições para o concurso público do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, distante 113 quilômetros do Recife. Ao todo, são oferecidas 20 vagas, sendo 15 para auditor de contas públicas (nível superior em qualquer área) e 5 para agente de documentação (nível médio).

Para o cargo de auditor de contas públicas, o salário inicial é de R$ 13.002,03. A carga horária é de 40 horas semanais. Para o cargo de agente de documentação, o salário inicial é de R$ 5.519,61. A carga horária é de 40 horas semanais.

Clique aqui para conferir o edital


As inscrições deverão ser feitas até as 18h de 29 de novembro no site do Cebraspe. As taxas custam R$ 120 para o cargo de auditor e R$ 80 para o cargo de agente de documentação. O boleto deve ser pago até o dia 20 de dezembro.

A prova objetiva para os candidatos que irão concorrer ao cargo de Agente de Documentação está marcada para o dia 13 de janeiro de 2018, no turno da tarde, na cidade de João Pessoa. O candidato terá até 4h para concluir a avaliação e entregar o gabarito.

Já a prova objetiva para o cargo de Fiscal de Contas Públicas está marcada para o dia 14 de janeiro de 2018, também na cidade de João Pessoa, capital da Paraíba. Entretanto, a avaliação será realizada em dois turnos: a prova objetiva será aplicada no turno da manhã, com máximo de 5h de duração. Já no período da tarde, será aplicada a prova discursiva, com até 2h de duração. Os locais de prova serão divulgado no dia 4 de janeiro de 2018. O resultado das provas será divulgado no dia 8 de fevereiro de 2018.

Chilli Beans
Chilli BeansFoto: Divulgação

A Chilli Beans oferece 20 vagas para vendas nas lojas e quiosques do Grande Recife. A marca da pimenta seleciona candidatos para atuar nas comercializações de fim de ano. A empresa vai escolher pessoas comunicativas e com experiência profissional, com possibilidade de efetivação.

O interessado deverá deixar o currículo em qualquer loja da Chilli Beans dos shoppings ou do aeroporto. A empresa informou que oferece plano de cargos e carreiras, além de benefícios. O salário não foi informado.

Estetoscópio
EstetoscópioFoto: internet

A Prefeitura do Recife lançou edital para o processo seletivo dos programas de Residência em Saúde do Recife. As inscrições podem ser feitas até este domingo (12), pelo site www.upenet.com.br, onde também constam os editais.

Ao todo são 93 vagas para os programas de Residência do Recife, dentre elas os programas: Residência em Enfermagem em Atendimento Pré-Hospitalar, Residência de Medicina de Família e Comunidade, Residência Médica em Psiquiatria, Residência em Enfermagem Obstétrica, Residência em Odontologia em Saúde Coletiva, Residência Multiprofissional em Vigilância em Saúde, Residência Multiprofissional na Rede de Atenção Psicossocial, Residência Multiprofissional em Saúde coletiva e Residência Multiprofissional em Saúde da Família.

O processo tem como objetivo formar profissionais e qualificar trabalhadores do Sistema único de Saúde (SUS) para o fortalecimento das redes de atenção à saúde e gestão descentralizada.

Vendedor
VendedorFoto: Reprodução

O Consórcio Realiza, localizado no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife, está com 20 vagas abertas para vendedores. As contratações são imediatas e a oportunidade é destinada para candidatos de ambos os sexos, com foco em consórcio para autos, imóveis e pesados.

Para concorrer, não precisa ter experiência com vendas. É necessário ter a partir de 18 anos e morar na Região Metropolitana do Recife, além de ter concluído o ensino fundamental ou médio.

Segundo a empresa, detalhes sobre renumeração e benefícios serão repassados em entrevista presencial. O currículo com foto deve ser enviado até a próxima quinta-feira (16) para o para o e-mail: weslleyrealiza@gmail.com​.

Carteira de Trabalho
Carteira de TrabalhoFoto: Agência Brasil/Arquivo

O ManpowerGroup está recrutando para vagas em uma grande indústria no estado de Pernambuco. Os cargos são para auxiliar de produção, operador logístico, facilitador de time, verificador, auxiliar logístico, técnico de processos industrial, executor, técnico mecânica I, motorista, aferidor, técnico de segurança do trabalho, agente de segurança e técnico de enfermagem.

Os interessados podem se cadastrar no site do ManpowerGroup e buscar a posição 10354. Se preferir, o candidato pode levar o currículo impresso no Centro de Atendimento da empresa no Recife, localizado na avenida Frei Matias Teves, 280, Salas 315 a 320, no bairro da Ilha do Leite.

TJPE
TJPEFoto: Arquivo Folha

O resultado da prova objetiva do concurso do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) foi divulgado nesta quarta-feira (8). Clique aqui para conferir o resultado. A publicação do resultado das provas foi feita no site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), organizador do certame.

Leia também:
Resultado do concurso do TJPE é divulgado pelo IBFC


Com a divulgação, a perícia médica para pessoas com deficiência e habilitadas na prova objetiva será realizada nos dias 18 e 19 de novembro, no Recife.  O mesmo vale para a aferição da veracidade de autodeclaração como pessoa negra. A convocação, em ambos os casos, estará disponível no site do IBFC a partir das 16h de 13 de novembro.

O instituto também divulgou as análises dos recursos contra questões do exame objetivo e gabaritos.

Universidade de Pernambuco
Universidade de PernambucoFoto: Peu Ricardo/Arquivo Folha

Um inquérito civil foi instaurado pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para investigar uma possível irregularidade no concurso público da Universidade de Pernambuco (UPE). A portaria foi publicada nesta quarta-feira (8), no Diário Oficial do Estado.

Será apurada a relação de parentesco entre o membro da comissão do concurso Hosana Apolinária Rodrigues Lima e uma candidata que participou do certame. O parentesco, inclusive, foi confirmado pelo reitor da UPE, que disse que elas eram tia e sobrinha. que O caso está com a promotora de justiça Andrea Nunes Padilha.

Segundo o MPPE, o inquérito civil público tem o objetivo de investigar os fatos relatados, com a finalidade de apurar as responsabilidades para adoção das medidas legais cabíveis. Alguns encaminhamentos já foram solicitados.

O reitor deverá esclarecer se a sobrinha de Hosana Apolinária foi aprovada em alguma etapa do certame, remetendo sua pontuação; quais as efetivas atribuições da comissão de coordenação do concurso da UPE, remetendo o documento onde estão disciplinadas; e quais os atos assinados pela servidora na qualidade de membro da comissão do concurso da UPE.

comece o dia bem informado: