Montadoras
MontadorasFoto: Marco Bertorello/AFP

A Fiat Chrysler Automóveis Brasil Ltda (FCA) convocou nesta sexta-feira (15) mais de 90 mil donos dos veículos Jeep Renegade e Jeep Compass para agendarem idas às concessionárias para a substituição dos relés dos sistemas de ignição e injeção de combustível dos veículos convocados.

Leia também
Alemanha manda recolher 774 mil carros da Mercedes-Benz por mascarar poluentes
Acelerar e frear o tempo todo faz carro gastar até 75% a mais de combustível


A montadora descobriu que, no caso de falha dos relés do sistema, poderá ocorrer funcionamento inesperado do motor e até mesmo um desligamento, aumentando o risco de acidentes). Devem ir às concessionárias os donos dos modelos Compass e Renegade, modelo 2017 e 2018.

Podem apresentar o defeito, 53.150 Compass (chassis número H34693 a H93627) e 38.931 Renegades (129173 a 186288). O Renegade foi um dos "jipinhos urbanos" mais vendidos no segmento de utilitários compactos em 2017, de acordo com números da Fenabrave (entidade que reúne as distribuidoras de veículos).

Os dois modelos estão entre os 15 veículos mais emplacados de acordo com o ranking da entidade. Em 2017, foram vendidos 49.187 carros do modelo Jeep Compass e 38.330 do Renegade.

Luz da Bateria
Para saber se a falha existe, é preciso checar se a luz da bateria ascende no quadro de instrumentos do veículo. Caso ocorra, dirija-se imediatamente a uma concessionária da rede Jeep.

De acordo com a fabricante, o tempo de reparo é de trinta minutos e é preciso ser agendado. Em dezembro, a FCA fez o recall de 6.537 Jeep Renegade por problemas na seta.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: