Mercado imobiliário
Mercado imobiliárioFoto: Paullo Allmeida/Arquivo Folha de Pernambuco

As Letras de Crédito são investimentos de renda fixa que vêm se popularizando entre os investidores, apesar de ainda não serem tão conhecidos. É possível ter bons rendimentos investindo de forma acessível por meio da Letra de Crédito Imobiliário (LCI). Esse é um tipo de investimento que fomenta o mercado imobiliário, concedendo crédito para o setor.

O que é uma LCI?
A LCI é um investimento de renda fixa. É um produto emitido por instituições financeiras – como bancos comerciais, múltiplos e de investimento, sociedades de crédito imobiliário, associações de poupança e empréstimo e companhias hipotecárias.

Simplificando, é a forma como empresas do setor imobiliário conseguem arrecadar recursos por meio de investidores. As instituições emissoras, como as mencionadas acima, fazem a intermediação e os ativos podem ser adquiridos junto a uma corretora de valores, banco ou plataforma de investimentos.

As vantagens de investir em LCI
De acordo com a Bolsa de Valores do Brasil, a B3, a LCI é um dos produtos mais procurados pelo investidor pessoa física e que mais cresceram nos últimos anos. Um dos motivos é a isenção de Imposto de Renda para esse público, o que é um grande atrativo. Além disso, a LCI é assegurada pelo FGC, Fundo Garantidor de Crédito. Vale ressaltar que, por ser um investimento de renda fixa, é vantajoso para quem quer correr baixos riscos e obter um ganho acima da poupança.

Como funciona o rendimento?
A LCI pode ter o rendimento determinado por uma taxa pré ou pós-fixada. É importante observar que nenhuma LCI é um investimento de curto prazo. Trata-se de uma aplicação indicada para médio e longo prazo, pois não têm liquidez. Isso quer dizer que para obter o rendimento previsto no momento do aporte, é necessário esperar até o vencimento.

Caso o investidor tenha a necessidade se desfazer do investimento antes disso, fica sujeito ao preço de mercado, com a venda feita no mercado secundário. No mercado secundário estão apenas investidores vendendo e comprando, não há troca ou devolução do investimento para a instituição emissora. Desta forma, o rendimento depende da disposição dos compradores no momento da venda.

Para quem é indicado o investimento em LCI?
O investimento é recomendado principalmente para quem apresenta perfil conservador, ou seja, aqueles que preferem investir com a segurança oferecida pela renda fixa.

Para os investidores mais arrojados, a LCI também pode ser interessante para compor a carteira de investimentos junto com ativos de renda variável, como parte de um balanceamento dos riscos.

Como investir em LCI
A aplicação pode ser feita por meio de uma plataforma de investimentos, de forma simples e segura. Dentro da plataforma, o investidor pode filtrar as LCIs por prazo e valor do aporte que pretende fazer.

Por meio de uma corretora de valores todo o processo pode ser feito de forma independente, caso o investidor se sinta à vontade para isso. Algumas delas, como a Genial Investimentos, oferecem também assessoria e contato com agentes autônomos, que são especialistas em investimentos.

comece o dia bem informado: