Jefferson foi o nome da classificação do Náutico
Jefferson foi o nome da classificação do NáuticoFoto: Brenda Alcântara/Folha de Pernambuco

Depois de 180 minutos de futebol sem emoção e gols, Náutico e Itabaiana decidiram a última vaga para a fase de grupos da Copa do Nordeste nos pênaltis. Em jogo realizado na tarde deste sábado (13), na Arena de Pernambuco, o Alvirrubro levou a melhor sobre o Tremendão da Serra por 5x4 e garantiu vaga para o Grupo C da competição regional, ao lado de Bahia, Botafogo/PB e Altos/PI, além de R$ 500 mil pelo feito.

O Náutico começou o jogo em cima do Itabaiana, mas não demorou muito para os visitantes equilibrarem as ações e terem as melhores chances de gol da etapa inicial. À beira do gramado, o técnico Roberto Fernandes mostrava-se irritado com o desempenho dos seus jogadores e, entre algumas paralisações durante a etapa inicial, tentava ajustar a casa. Passivo em campo e com Jefferson fazendo boas defesas lá atrás, a única boa chegada do Timbu foi com Gabriel Araújo, em cobrança de falta nos acréscimos.

No retorno do intervalo, o Náutico voltou com outra postura e começou a ocupar mais o campo do Itabaiana, pressionando a saída de bola do time sergipano. Acionando bastante os laterais, o alvirrubro chegava ao ataque, porém, com Daniel Bueno isolado, os donos da casa pouco assustavam o goleiro Weide Andrade. Com o Timbu precisando marcar gols, Roberto colocou Wagner para fazer dupla com Bueno e tirou Ennes do time. Sem criatividade no meio, a alteração não surtiu efeito. Sorte dos alvirrubros que, no gol, Jefferson seguia brilhando: em cobrança de falta de Juninho, o goleiro voltou a salvar o Náutico.

O tempo passava e o receio de ambas as equipes de atacar apareceu. O jogo ficou morno e as chances de gol ficaram cada vez mais raras. O Náutico ainda ensaiou uma pressão nos últimos cinco minutos, mas pecava na hora de decidir a jogada. Diante deste panorama, a partida acabou indo para a tensão dos pênaltis.

Na decisão, voltou a brilhar a estrela do goleiro Jefferson. O atleta revelado na base alvirrubra defendeu as cobranças de Léo Lima e Douglas, o Náutico venceu o Itabaiana por 5x4 e garantiu a classificação para a fase de grupos da Copa do Nordeste.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: