Santa e América ficam só no empate em jogo-treino
Santa e América ficam só no empate em jogo-treinoFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Adversários no Campeonato Pernambucano, Santa Cruz e América/PE ficaram no empate em 1x1, na tarde desta quinta-feira (11), em jogo-treino realizado em Aldeia. Os dois gols foram marcados na etapa completar. No segundo teste da temporada 2018, o primeiro deles com vitória de goleada por 6x0 sobre a AGAP/PE, o técnico Júnior Rocha novamente utilizou a movimentação para observar a maioria dos jogadores do elenco, mas desta vez só promoveu alterações na equipe durante a segunda etapa.

Leia também: 

Após "temor" com o América, Júnior Rocha define Santa 

Grafite adia retorno e está fora dos primeiros jogos 

A escalação titular foi a seguinte: Tiago Machowski; Vítor, Augusto Silva, Renato Silveira e Paulo Henrique; João Ananias, Jorginho, Daniel Sobralense e Arthur Rezende; Augusto e Robinho. No primeiro tempo, pouco ímpeto ofensivo, raras chances de gol e mais marcação. O lateral-direito Vítor foi bem participativo, o atacante Robinho perdeu a única oportunidade pelo lado do Santa Cruz, enquanto o meia Arthur Rezende bateu duas faltas, nenhumas delas frontal, mas sem sucesso. Já o América priorizou a marcação, teve uma oportunidade na bola parada, mas pouco agrediu. 

O segundo tempo foi mais agitado. Logo nos minutos iniciais, o Mequinha abriu o placar, de pênalti. Em seguida, o Santa desperdiçou a chance de deixar tudo igual com o meia Arthur Rezende, que perdeu uma penalidade. Atrás no placar, os tricolores pressionaram o adversário e chegaram ao empate após uma cobrança de falta de Arthur aproveitada pelo volante Jorginho, que escorou de cabeça. Depois disso, a partida ficou truncada no meio de campo, com muitas faltas e até expulsões - Geovani (Santa) e Cleber (América/PE). Nos últimos movimentos, o zagueiro Júnior, do sub-17 coral, por pouco não virou o jogo ao cabecear a bola no travessão, mas o 1x1 prevaleceu até o apito final do árbitro.

Todas as modificações do Tricolor foram feitas na etapa final: Tiago Machowski; Vítor (Ítalo), Augusto Silva (Genílson), Renato Silveira (Júnior) e Paulo Henrique (Weslley); João Ananias (Lucas Gomes (João Vítor), Jorginho (Ilaílson), Daniel Sobralense (Jeremias) e Arthur Rezende (Pequeno); Augusto (Anderson) (Geovani) e Robinho (Robinho Mota). 

veja também

comentários

comece o dia bem informado: