Folha Educa

Alunos pintam muro de colégio
Alunos pintam muro de colégioFoto: Alyne Pinheiro / divulgação PCR

Os alunos da Escola Estadual Débora Feijó, localizada na Mangueira, Zona Oeste do Recife, arregaçaram as mangas para cuidar do local. A ação integra o projeto “Eu cuido da minha escola”, criado pela diretora Andréa Rocha para combater depredações. Alvo de constantes pichações, o muro que circula a instituição foi pintado pelos estudantes com desenhos inspirados na obra do artista plástico pernambucano Romero Britto.

Segundo a diretora Andréa, toda vez que se pintava o muro, alguém imediatamente pichava. “Aqui (na escola) o muro é muito extenso, tem 250 metros. Virava um grande painel para a pichação”, contou. A gestora concebeu a ideia após ver uma fachada cheia de cores na rua. No início do ano letivo, dois painéis coloridos foram postos na instituição para receber e estimular os estudantes a participarem da ação.

“Desde que assumi a direção da escola em 2013 conscientizo (os alunos) que a escola não é minha ou dos professores e, sim, deles, da comunidade, da família de cada um. Precisamos zelar pelo ambiente que estamos”, disse. Todos os alunos - cerca de 380 meninos e meninas - do 6º ao 9º ano do ensino fundamental participaram da ação, concluída na semana passada e iniciada em fevereiro, quando começou o ano letivo. A atitude deu tão certo a ponto de gestores de outras instituições procurarem a Escola Estadual Débora Feijó para repetir a fórmula.

Leia também:
Escolas se preparam para assimilar mudanças
MedioTec é nova opção na escola


Sob o comando do professor de educação artística Paulo Ferreira, os alunos trabalhavam em grupos de dez, realizando a pintura aos poucos. “Foi um desafio, mas agora dá só alegria, não só a mim, mas para todos da escola. E é maravilhoso saber que a gente conseguiu transformar a visão dos moradores, que não enxergavam a escola como tal”, contou Paulo.

“As pichações acabavam com a escola, passavam uma imagem feia. Foi muito trabalho, mas amei fazer. Hoje me sinto bem de estar aqui. Tenho prazer de ir à escola”, relatou o aluno do 9º ano Vinícius Rodrigo, 15 anos.. A mobilização dos estudantes ajudou, ainda, na recuperação de cadeiras deterioradas e na criação de um “jardinzinho” e de um “muro da Poesia”.

Alunos pintam muro de colégio
Alunos pintam muro de colégioFoto: Alyne Pinheiro / divulgação PCR
Alunos pintam muro de colégio
Alunos pintam muro de colégioFoto: Alyne Pinheiro / divulgação PCR
Alunos pintam muro de colégio
Alunos pintam muro de colégioFoto: Alyne Pinheiro / divulgação PCR
Alunos pintam muro de colégio
Alunos pintam muro de colégioFoto: Alyne Pinheiro / divulgação PCR

comentários