Membros de equipe médica afegã com macas aguardam do lado de fora de um hospital da organização de ajuda humanitária 'Emergency'
Membros de equipe médica afegã com macas aguardam do lado de fora de um hospital da organização de ajuda humanitária 'Emergency'Foto: Wakil Kohsar/AFP

Pelo menos três pessoas morreram nesta segunda-feira (12) e oito ficaram feridas por uma forte explosão perto de uma manifestação em Cabul, a capital de Afeganistão, apontou um porta-voz do ministério da Saúde afegão, Wahid Majroh. A explosão aconteceu perto de um centro de estudos secundários, informou o ministério do Interior.

Um jornalista que estava no local no local disse à AFP que viu entre dez e quinze corpos no chão. "É difícil saber se se trata de um atentado suicida ou de uma bomba" que estourou, disse a polícia, que não quis se identificar.

Leia também:
Explosão de foguetes deixa vários feridos em Cabul
Atentados terroristas matam seis jornalistas em Cabul


"Foi uma explosão enorme perto do instituto Istiqlal, onde os manifestantes estavam reunidos", no centro da cidade, disse à AFP Qais Nawabi, uma testemunha.

Centenas de pessoas estavam reunidas na segunda-feira pela manhã nesta parte de Cabul para reclamar reforços em um distrito da província de Ghazni (sudeste), povoada pela minoria xiita hazara, e onde os talibãs intensificaram seus ataques nos últimos dias.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: