Saúde e Bem-Estar

Rafael Coelho

ver colunas anteriores
Rafael Coelho, e-mail: contato@rafaelcoelho.med.br | Instagram: @drrafaelcoelho | Facebook: /rafaelcoelho
Rafael Coelho, e-mail: contato@rafaelcoelho.med.br | Instagram: @drrafaelcoelho | Facebook: /rafaelcoelhoFoto: Folha de Pernambuco

Olá leitores e internautas que acompanham a coluna de Saúde e Bem-Estar.

Após as comemorações de final de ano, entramos em um novo ciclo, um momento em que as pessoas traçam novos planos e novas metas. Iniciamos com o verão e, neste período, somos presenteados com um maravilhoso sol, que, além de tudo, estimula  o seu corpo a produzir uma boa quantidade de vitamina D, por exemplo. No entanto, este calor também pode trazer alguns prejuízos à saúde se você não estiver bem hidratado. É muito importante que você esteja com uma garrafa de água e que a cada hora do seu dia beba entre 100-150 ml de água mineral. Dessa maneira, você irá ingerir uma quantidade suficiente para que as reações químicas do seu organismo ocorram de maneira eficaz. Isso inclui a digestão de alimentos, um bom funcionamento do seu intestino, a respiração celular e formação de energia e uma boa diurese (rins e urina saudáveis). Não podemos esquecer da população de risco aumentado para desidratação que corresponde aos idosos e pessoas especiais. Então a regra é clara, hidrate-se de maneira correta e aproveite o seu verão com saúde.

Essa foi a dica de hoje. Siga-me nas redes sociais e fique sempre atualizado com informações sobre saúde e bem-estar. Obrigado e até o próximo encontro.

É preciso beber bastante água no verão

É preciso beber bastante água no verão - Foto: Pixabay

SAÚDE EM DIA

Janeiro Branco: cuidados com a saúde mental

A Campanha Janeiro Branco é dedicada a colocar os temas da Saúde Mental e Emocional em máxima evidência no mundo em nome da prevenção ao adoecimento emocional da humanidade. Puxada e incentivada por psicólogos, profissionais da saúde e todos os grupos que acreditam na experiência de uma Saúde Mental e Emocional de qualidade, desde então vem se espalhando e levando a toda população mensagens sobre o assunto. A ideia é a de sensibilizar as mídias, as instituições sociais, públicas e privadas, e os poderes constituídos, públicos e privados, em relação à importância de projetos estratégicos, políticas públicas, recursos financeiros, espaços sociais e iniciativas socioculturais empenhadas(os) em valorizar e em atender as demandas individuais e coletivas , direta ou indiretamente, relacionadas aos universos da Saúde Mental. (Fonte: psicoonline)

DOSE DE SAÚDE

“Minha dose diária de saúde é praticar exercícios físicos (musculação e corrida), lembrando sempre de priorizar momentos ao ar livre, no sol. Vitamina D é essencial também à produtividade, ao bem estar. Também faço questão de alguns exercícios mentais. Começo mentalizando as principais metas do dia, reservando alguns minutos também para a prática do Mindfulness, essencial para ter mais clareza, tranquilidade e foco nas ações. Alta performance exige atenção especial aos detalhes”, Diego Perez é Jornalista e Secretário Executivo de Esportes de Pernambuco.

 

Diego Perez faz a união do Exercício Físico e MindFulness para ter um dia produtivo

Diego Perez faz a união do Exercício Físico e MindFulness para ter um dia produtivo - Foto: Alessandro Neto/Cortesia

VOCÊ SABIA?

Viver mais é viver melhor?
Estatísticas mostram que cada vez mais a expectativa de vida aumenta, principalmente nos países livres de guerra e nos já desenvolvidos ou, naqueles em desenvolvimento, como o Brasil. Vários são os fatores que interferem nesse processo, como o IDH, o nível tecnológico, as condições sanitárias e os recursos médicos. Concomitantemente à boa notícia em ter existência maior, um questionamento ecoa: viver mais é viver melhor? De que adiantam cinco ou dez anos de existência, se nesse período o indivíduo não tiver mais autonomia, se ele padecer restrito a um leito ou, demenciado, mal souber que está vivo. É nesse contexto, mas sem desconsiderar que o aumento do tempo de vida médio é uma grande conquista, que boa parte dos médicos e outros profissionais da saúde dedicam-se, dentro de suas especialidades e áreas de atuação, a assistir o paciente visando prevenção de doenças e manutenção do maior número e nível de habilidades do paciente, por maior tempo possível.

Assim, ajustes como orientação nutricional, adequação do sono, controle do estado de humor, dos níveis hormonais, da atividade sexual e do índice de massa muscular são foco da conduta médica baseada em evidências científicas. A era dos homens idosos que permanecerão dirigindo, correndo, erguendo a própria bagagem com mãos seguras, criativos, com vida sexual normal, já chegou. O conceito do velhinho na cadeira de balanço com passos curtos, fala lentificada, memória diminuída, barriga grande, musculatura e ossos frágeis, está ficando para trás. O caminho da saúde, sem dúvida é envelhecer forte. Jêmede Duarte Valença é Médico Geriatra


Especialista: Jêmede Valença - Médico Geriatra

Especialista: Jêmede Valença - Médico Geriatra - Foto: Cortesia

Rafael Coelho (CRM: 23943/PE) é médico pós-graduado em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN) e atualização em Prática Ortomolecular. Atende em consultório particular na Clínica de Estética Contornare, no Recife. Atua nas seguintes áreas: Performance Esportiva, Distúrbios Metabólicos, Emagrecimento, Hipertrofia, Longevidade, Bioimpedância. É Diretor da Comissão de Saúde e Performance da Federação Estadual de Fisiculturismo (IFBB-PE).

** A Folha de Pernambuco não se responsabiliza pelo conteúdo das colunas.

 

veja também

comentários

comece o dia bem informado: