Foram encontrados 15 resultados para "Petrolina":

Promotoria de Petrolina desenvolve ações para divulgar o papel do Tribunal do Juri
Promotoria de Petrolina desenvolve ações para divulgar o papel do Tribunal do JuriFoto: Divulgação

No Brasil, todo crime contra a vida deve ser levado a um Tribunal do Júri, formado por representantes da população, pela defesa e pelo Poder Judiciário. O júri é uma resposta à sociedade; uma prestação de contas do Ministério Público e das instituições do Sistema de Justiça. Por isso, após observar o pouco interesse da população; verificar que, em alguns casos, mesmo as vítimas sobreviventes ou seus familiares tinham medo de participar dos julgamentos; ou ainda, a dificuldade em notificar as famílias das vítimas, devido a questões geográficas ou por mudança de endereço; a 4ª Promotoria de Justiça Criminal de Petrolina propôs uma série de ações com intuito de aproximar os moradores do Tribunal do Júri.

“É no Tribunal que os promotores de Justiça pedem a condenação ou a absolvição da pessoa acusada, de acordo com as provas do caso. O MP tem papel de protagonismo, e esses projetos buscam restaurar esse lugar. Ao mesmo tempo, é preciso resgatar a importância da vítima e seus familiares nesse processo, olhando para suas necessidades, promovendo seu acolhimento. É nesse contexto que os projetos atuam, com foco nesses objetivos”, destacou o promotor de Justiça Fernando Della Latta. Atualmente, quatro ações estão sendo desenvolvidas no município: perfil do jurado de Petrolina; escuta atenta; jurado surdo e MP Comunica.

O primeiro projeto encontra-se em fase de conclusão e consiste no perfil sociodemográfico do jurado de Petrolina. Ao todo, três Conselhos de Sentença receberam um questionário com 42 perguntas (“você acha que a competência do júri deve ser ampliada?”, “como você interpreta o silêncio do réu?", por exemplo) e encaminharam a resposta à Promotoria, sem se identificar. Atualmente, os dados colhidos estão no Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais (Caop Criminal) do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para inserção em banco de dados e publicação de gráficos estatísticos. “Esses dados serão importantes para a aferição de tendências de julgamento. Esperamos que essa iniciativa funcione como instrumento indutor em outras regiões, para conhecermos as diferenças de perfis no próprio Estado de Pernambuco”, ressaltou Della Latta.

Já o escuta atenta busca promover a escuta acolhedora das vítimas de crimes contra a vida e seus familiares. “O projeto consiste na atividade ministerial, em ambiente confortável, na modalidade entrevista, com o escopo de criar empatia junto à vítima, parentes e amigos, a respeito dos efeitos psicológicos e financeiros gerados após a prática do crime doloso contra a vida”, explicou Della Latta. Segundo o promotor, a ação ocorre na presença de equipe previamente capacitada, proporcionando o diagnóstico das necessidades de encaminhamento da vítima sobrevivente ou seus familiares aos mecanismos de saúde, assistência social e segurança pública.

O projeto de inclusão social das pessoas surdas como julgadoras no Tribunal propõe a aplicação de políticas públicas com vistas a garantir sua participação no conselho de sentença. “Da forma como encontra-se estruturado, o Tribunal do Júri não concretiza a participação da pessoa surda como julgadora”, comentou Della Latta. De acordo com o promotor, já foram realizadas diversas ações para montar uma relação de pessoas interessadas, além de designar intérpretes de Língua Brasileira de Sinais certificados no processo; e assinado Termo de Cooperação com a central de Libras de Petrolina. “O próximo passo será um evento, com data a ser definida, onde será entregue a listagem dos nomes dos surdos ao Judiciário e o cadastro de intérpretes”, comentou. Além disso, também será realizado um júri simulado com participação de pessoas surdas e intérpretes de Libras, às 7h30 do dia 25 de julho, no salão do júri, no Fórum Estadual de Petrolina.

Por fim, por meio do MP Comunica, um oficial de diligência do MPPE irá entregar às famílias das vítimas a notificação sobre a realização do Júri, avaliando se há alguma ameaça em curso, para complementar as informações para o processo. “O protocolo de atuação segue o modelo de expedição de expediente oficial do MPPE no endereço do destinatário, com o objetivo de suprir eventual falta de informação, bem como evitar o esquecimento de pessoas diretamente envolvidas a respeito da realização da sessão do júri no Fórum da cidade”, concluiu Fernando Della Latta.

Entenda quem é quem

Para auxiliar a população a entender melhor como funciona o Tribunal do Júri, o MPPE disponibilizou um material explicando: que é um júri; quem faz o que; como ocorre a escolha dos jurados; o que é desaforamento; o que fazer em caso de ameaças, entre outros. Para acessar, basta clicar neste link.

Jair Bolsonaro, com prefeito Miguel Coelho, o senador Fernando Bezerra e ministros de governo.
Jair Bolsonaro, com prefeito Miguel Coelho, o senador Fernando Bezerra e ministros de governo.Foto: Divulgação / Prefeitura de Petrolina

Primeira cidade do interior do Nordeste a ter agenda oficial do presidente Jair Bolsonaro, Petrolina vai receber novos investimentos do Governo Federal em infraestrutura e incentivo à fruticultura. O anúncio foi realizado, nesta sexta-feira (24), durante uma entrevista coletiva para a imprensa na cidade sertaneja com o chefe do executivo. O prefeito Miguel Coelho, o senador Fernando Bezerra e ministros da República participaram do anúncio.

Na conversa com os jornalistas, o presidente Jair Bolsonaro garantiu que grandes investimentos já estão programados para a região nordestina. Parte desses recursos, será destinada para Petrolina e o restante do Vale do São Francisco através de linhas de crédito da Caixa Econômica para fruticultura e obras. "Em relação à parte local, a Caixa está lançando uma linha de R$ 500 milhões em toda essa região do São Francisco", informou o presidente do órgão federal, Pedro Guimarães, ao lado de Jair Bolsonaro.

O prefeito Miguel Coelho considerou a visita positiva para destravar recursos em obras na cidade. O gestor acredita que após a sinalização de Bolsonaro, além da linha de crédito da Caixa, a duplicação da BR-428, e a construção de viadutos na Sete de Setembro devem ser iniciadas no segundo semestre. "Conversei pessoalmente com o presidente Bolsonaro, e os representantes da Caixa e do Ministério do Desenvolvimento Regional. Nossa expectativa é já em julho ou agosto anunciar grandes obras. Além disso, tivemos uma reunião importante com os diretores da Caixa nessa agenda, que asseguraram o destravamento de recursos que estavam contingenciados para o Bodódromo entre outras intervenções. Então, novamente, o resumo é que a força política está sendo decisiva para mais progresso em Petrolina", avaliou Miguel após a visita presidencial.

Na passagem por Petrolina, o presidente ainda inaugurou o conjunto residencial Morada Nova. O empreendimento tem 472 apartamentos e é financiado pelo programa Minha Casa Minha Vida.

Líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB) e governador Paulo Câmara (PSB) acompanharam a inauguração ao lado do presidente Jair Boslonaro (PSL)
Líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB) e governador Paulo Câmara (PSB) acompanharam a inauguração ao lado do presidente Jair Boslonaro (PSL)Foto: Divulgação

Após a agenda no Recife, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), seguiu para Petrolina, no Sertão de Pernambuco, onde inaugura o residencial Morada Nova, pelo Minha Casa Minha Vida (PMCMV), do Governo Federal em parceria com a Caixa Econômica Federal, na tarde desta sexta-feira (24). É a primeira entrega de casas no Brasil do programa no Governo Bolsonaro. A escolha de Petrolina teve muita influência do líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), que tem seu reduto eleitoral no município.

O empreendimento, destinado a famílias com renda de até R$ 2,6 mil (Faixa 1,5 do MCMV), recebeu investimento de R$ 47,2 milhões. Mais de 1.800 pessoas serão beneficiadas com a entrega das 472 unidades habitacionais. Além da presença do presidente, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara; o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto; e o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, participam da inauguração.

Leia também:
Jair Bolsonaro chega ao Recife e segue para o IRB
Aos governadores, Bolsonaro vincula sucesso do plano para o NE à reforma da Previdência
Manifestantes pró e contra Bolsonaro se concentram em frente ao IRB
Bolsonaro apela a governadores pela 'reforma mãe' da Previdência

Morada Nova

Localizado na Avenida Marechal Hermes da Fonseca, no bairro Antônio Cassimiro, o residencial é composto por 472 casas. Cada casa tem área privativa de 47m², divididos em 2 quartos, sala, banheiro, cozinha e área de serviço, com piso cerâmico em todos os ambientes. As unidades estão avaliadas em R$ 105 mil.

Atendendo às exigências de qualidade do programa, o residencial é equipado com infraestrutura completa, pavimentação, redes de água, esgotamento sanitário, drenagem, energia elétrica e disponibilidade de acesso ao transporte público.

Minha Casa Minha Vida
No Brasil, o programa já beneficiou mais de 16,3 milhões de pessoas, com a entrega de 4,08 milhões de moradias em todo o país. Já em Pernambuco, foram entregues mais de 136,2 mil unidades, beneficiando mais de 544 mil pessoas. Em Petrolina, o PMCMV já beneficiou mais de 64,4 mil pessoas com a entrega de 16 mil unidades habitacionais.

Prefeito de petrolina Miguel Coelho presenteou o presidente durante a cerimônia.

Prefeito de petrolina Miguel Coelho presenteou o presidente durante a cerimônia. - Crédito: Divulgação / Prefeitura de Petrolina



Bolsonaro chegou em Petrolina, na tarde desta sexta (24) para inaugurar habitacional

Bolsonaro chegou em Petrolina, na tarde desta sexta (24) para inaugurar habitacional - Crédito: Divulgação / Prefeitura de Petrolina

Deputado federal Fernando Filho esteve em petrolina para inauguração de quadras.
Deputado federal Fernando Filho esteve em petrolina para inauguração de quadras.Foto: Emerson Leite

O deputado federal Fernando Filho (DEM) esteve em Petrolina no último final de semana para a entrega da oitava quadra poliesportiva fruto de recursos de emendas federais do parlamentar. O evento ocorreu na comunidade de Porto da Ilha, na zona rural do município, e contou com a presença do prefeito Miguel Coelho, do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) e do deputado estadual Antonio Coelho (DEM).

Além de Porto da Ilha, moradores dos bairros de COHAB III e IV, Cosme e Damião, Alto do Cocar, Quati, Vale do Grande Rio e Fernando Idalino já contam com quadras poliesportivas oriundas de emendas do deputado. “Tudo isso é parte do nosso trabalho de buscar recursos em Brasília e trazer para o nosso Estado. Ao todo, serão 26 quadras como essa, em investimentos que chegam a R$ 5 milhões, garantindo o desenvolvimento de Petrolina e do nosso Sertão do São Francisco”, destacou Fernando Filho, que também participou da 14ª edição da Feira de Caprinos e Ovinos de Dormentes (Caprishow).14ª edição da Feira de Caprinos e Ovinos da cidade (Caprishow).

Ato de entrega da pavimentação de 22 ruas em Tapera, Petrolina.
Ato de entrega da pavimentação de 22 ruas em Tapera, Petrolina.Foto: Jonas Santos

Uma noite de comemoração dos moradores da Tapera e tributo a um dos maiores líderes do Sertão de Pernambuco. O prefeito Miguel Coelho inaugurou, na última sexta-feira (10), a pavimentação de 22 ruas da localidade. Na solenidade ainda foi prestada uma homenagem ao ex-deputado federal Osvaldo Coelho, que será a partir de agora nome da principal avenida da Tapera.

A obra levou seis meses para ser concluída e representa a maior intervenção urbanística da Tapera. Com R$ 410 mil de investimento, a Prefeitura de Petrolina asfaltou 22 ruas e o acesso da localidade ao Rio São Francisco. O trabalho integra a plataforma “Petrolina Cresce”, que tem desenvolvido diversos serviços para melhorar a infraestrutura da zona rural e área urbana da cidade sertaneja.

Leia também:
Miguel Coelho vai à mesa com Doria em São Paulo
[Podcast] Miguel Coelho: "Você não pode querer chegar num partido e já sentar na janela"


No ato de entrega, que teve a participação de vários familiares de Osvaldo Coelho e presença maciça dos moradores da Tapera, o prefeito lembrou o amor do ex-deputado pelo interior como inspiração para a retomada atual dos investimentos e valorização da zona rural. “Estamos numa fase de reconstrução de Petrolina e resgate da autoestima de nosso povo.Há quantos anos a Tapera não espera por esse asfalto? Desde sua fundação. Aqui nem luz tinha direito. Então, melhoramos a iluminação, reabrimos o posto de saúde, vamos construir uma quadra e fizemos essa grande obra. Isso é respeito ao povo do interior, como doutor Osvaldo respeitava quem era do campo”, recordou Miguel na solenidade.

petrolina

Crédito: Jonas Santos

A presidência do partido ficou com Rigel Castro e a vice presidência com Lucinha Mota
A presidência do partido ficou com Rigel Castro e a vice presidência com Lucinha MotaFoto: Divulgação

Na manhã deste domingo (5), o PSOL Petrolina realizou uma reunião para a eleição da nova direção do partido no município. A presidência do partido ficou com Rigel Castro e a vice presidência com Lucinha Mota, terceira candidata mais votada do partido na disputa pela cadeira da Alepe. Lucinha luta por justiça para sua filha Beatriz, assassinada em um crime ainda sem solução e tem na segurança pública sua pauta principal.

Além da eleição, a plenária discutiu a pauta da Reforma da Previdência, com foco na luta para derrotar a proposta do governo federal na Greve Geral, que ocorrerá no dia 14 de junho. Também foi criado o fórum do PSOL no sertão do São Francisco, com a presença na reunião de representação das cidades de Santa Maria da Boa Vista e Lagoa Grande. A codeputada estadual Jô Cavalcanti participou do encontro. Ela colocou o mandato à disposição do município, sendo pautada pela população.

Presidente do PSOL-PE, Severino Alves e a codeputada da Juntas, Jô Cavalcanti , participaram da eleição

Presidente do PSOL-PE, Severino Alves e a codeputada da Juntas, Jô Cavalcanti , participaram da eleição


Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho e senador Bezerra Coelho (MDB), reuniram-se, nesta quarta (17), com o novo ministro da Educação, Abraham Weintraub.
Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho e senador Bezerra Coelho (MDB), reuniram-se, nesta quarta (17), com o novo ministro da Educação, Abraham Weintraub.Foto: Rafael Nunes

Fechando a agenda em Brasília, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (sem partido), reuniu-se, nesta quarta (17), com o novo ministro da Educação, Abraham Weintraub. A reunião foi acompanhada também pelo senador Fernando Bezerra e teve como pauta principal a liberação de recursos para a construção de creches na capital do Sertão do São Francisco.

Miguel falou da necessidade do município sertanejo de expansão da rede de Centros de Educação Infantil (CMEI). Cinco desses equipamentos já estão em fase de implantação com recursos adquiridos em 2018, mas o prefeito relatou que existe demanda para pelo menos outras seis creches. “Estamos expandindo as vagas na rede municipal para as crianças. Já são mais de 17 mil crianças atendidas, porém precisamos ainda criar mais centros de referência para alcançar as nossas metas de universalizar o acesso a creches públicas”, justificou no encontro o prefeito.

Leia também:
[Podcast] 'É igual a um namoro. Você não chega se abrindo', brinca Miguel sobre escolha de partido
[Podcast] Miguel Coelho: "Você não pode querer chegar num partido e já sentar na janela"

Na reunião também foi tratada a liberação de recursos para o custeio de merenda escolar e compra de kits educativos para os alunos. Miguel ainda falou do processo de implantação do ensino em tempo integral e de novas tecnologias como robótica nos primeiros anos de ensino. “Toda essa revolução que estamos implantando na educação de Petrolina requer muito investimento. Por isso, pedi ao ministro apoio para qualificar nossa rede com novas tecnologias e ele se mostrou muito interessado em fazer de nossa cidade um lugar de referência para o restante do País”, relatou Miguel.

Miguel Coelho
Miguel CoelhoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, formalizou, nesta quarta-feira (17), sua saída do Partido Socialista Brasileiro (PSB). O gestor entregou, pessoalmente, em Brasília, a carta de desfiliação ao presidente nacional da legenda, Carlos Siqueira. Miguel passou sete anos associado ao PSB, primeiro e único partido ao qual foi filiado.

No documento, o prefeito de Petrolina alega divergências na forma de praticar política para tomar a decisão, mas ressalta a importância histórica dos socialistas. Miguel cita ainda como referências da convivência no PSB o senador Fernando Bezerra e o ex-governador Eduardo Campos. “Semeamos juntos desejos da população de levar água para os irmãos do interior, asfalto para porta de casa, desenvolvimento que gera emprego e oportunidade, educação que alimenta sonhos, renda que impulsiona o futuro”, lembrou.

Miguel agradeceu ao líder partidário pelo apoio recebido no período em que esteve filiado, quando teve a oportunidade de exercer pelo PSB os cargos de deputado estadual e prefeito da maior cidade do Sertão. “Sou grato ao PSB por ter acreditado em um rapaz de 23 anos para poder ser o deputado estadual mais jovem da legislatura em que concorri. Ainda mais grato por ter acreditado no auge dos meus 25 anos para poder concretizar o sonho de mudança que começava a florescer em nosso Brasil para a minha amada cidade de Petrolina, sendo eleito o prefeito mais jovem da história de nosso município.”

O futuro partidário do prefeito de Petrolina ainda não foi decidido. PSDB e PR são opções viáveis, mas Miguel prefere conversar com lideranças dos partidos para tomar a decisão no segundo semestre deste ano. “Hoje, meu foco é apenas trabalhar por Petrolina. Não tenho pressa para escolher um novo partido, até porque eleição é só no próximo ano. Mas essa decisão será tomada levando em consideração o melhor para Petrolina, Pernambuco e o Brasil.”

Confira a carta:

"Caro presidente Carlos Siqueira, aprendi que a política deve ser sempre usada como meio de transformação para poder ajudar aqueles que mais precisam. Busco seguir esse ensinamento todos os dias ao longo da minha jovem carreira pública. Sempre fui atraído pela política, seja em Petrolina, ou andando pelo nosso estado de Pernambuco.

Desde de muito cedo, pude testemunhar os efeitos da boa política. Primeiro acompanhando meu pai, o senador Fernando Bezerra, em seguida com o nosso saudoso governador Eduardo Campos. Semeamos juntos desejos da população de levar água para os irmãos do interior, asfalto para porta de casa, desenvolvimento que gera emprego e oportunidade, educação que alimenta sonhos, renda que impulsiona o futuro.

Sou grato ao PSB por ter acreditado em um rapaz de 23 anos para poder ser o deputado estadual mais jovem da legislatura em que concorri. Ainda mais grato por ter acreditado no auge dos meus 25 anos para poder concretizar o sonho de mudança que começava a florescer em nosso Brasil para a minha amada cidade de Petrolina, sendo eleito o prefeito mais jovem da história de nosso município.

Não posso deixar de registrar o apoio que tive do diretório nacional em sua pessoa, que não só acreditou mas ajudou efetivamente para a nossa vitória em 2016.
Magalhães Pinto já dizia: “política é como nuvem. Você olha e ela está de um jeito. Você olha de novo e ela já mudou.” Pois bem, chegou a hora de mudar. Mudar não de ideias ou convicções, mas mudar de partido. Nos últimos anos, percebi que o conceito que tenho da política, infelizmente diverge da pregada pelo PSB, embora respeite.

Acredito que a política deve ser sempre a arte de somar e dialogar, por isso que peço a compreensão e respeito dos meus agora ex-companheiros de partido. Podemos sempre divergir, mas jamais nos atacar. Campanhas passam, mas a história registra os justos e bravos de caráter que lutam pelo fortalecimento de nossa democracia. Não seremos lembrados sobre quem era da “velha” ou “nova” política, mas sim pelos que faziam e praticavam a boa Política.

Agradeço à confiança, pela amizade, pelo respeito, pela convivência dos últimos anos. Desejo sorte a todos que irão continuar, tendo a certeza de que, independente das disputas que iremos travar, o resultado final será um Pernambuco e um Brasil mais justos, iguais e fraternos para todos. Por isso, venho através dessa carta comunicar ao senhor o meu pedido de desfiliação do quadro de filiados ao Partido Socialista Brasileiro.

Miguel Coelho - prefeito de Petrolina"

Na visita, Tereza Cristina cumpriu cinco agendas em Petrolina e Juazeiro, onde conheceu a produção agrícola
Na visita, Tereza Cristina cumpriu cinco agendas em Petrolina e Juazeiro, onde conheceu a produção agrícolaFoto: Jonas Santos

Após uma extensa agenda no Vale do São Francisco, a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, encerrou o roteiro de visitas, nesta segunda-feira (15), com uma reunião para ouvir as demandas dos exportadores de frutas da região. No encontro acompanhado pelo prefeito Miguel Coelho (PSB), a gestora se despediu com uma boa notícia para os produtores, a liberação de R$ 3 milhões para pesquisa destinada a melhorar a produtividade na fruticultura em Petrolina e cidades próximas.

A ministra elogiou o desenvolvimento nos perímetros irrigados, a capacidade do Vale do São Francisco e afirmou que o apoio cobrado ao Governo Federal para incentivar essa cadeia produtiva é justa e proporciona retorno imediato à população. “Quando a gente ouve as histórias daqui, fica até barato esses R$ 3 milhões diante de tanto resultado que esse negócio traz”, disse a ministra referindo-se aos mais de 250 mil empregos diretos gerados pela fruticultura no Vale.

Além de se comprometer com recursos para o desenvolvimento do segmento agrícola, Tereza Cristina afirmou que vai negociar a expansão do mercado internacional para os produtores nordestinos. Para isso, o primeiro passo será levar representantes do Vale do São Francisco em viagens oficiais do Ministério para o Japão e outros países ainda neste semestre. “A fruta é um exemplo do potencial que se tem de exportação. Precisamos abrir mais mercados. A gente pode caminhar e muito em relação a esse segmento”, defendeu.

Leia também:
Sudene apresenta Plano de Desenvolvimento do Nordeste a governador
Prefeitura de Primavera assume gestão da Cachoeira do Urubu
[Giro de Notícias] Confira as manchetes pelo País, nesta terça


“Esses R$ 3 milhões garantidos para investir em nossa terra equivalem a novas 20 mil vagas de emprego no setor. Além disso, a visita da ministra tem uma enorme importância porque ela vê de perto a potência que é nossa região, percebe que tem de ser priorizada e ouve da boca de quem produz o que é preciso para manter o Vale do São Francisco como um exemplo do Brasil que dá certo”, resumiu Miguel.

Na visita, Tereza Cristina cumpriu cinco agendas em Petrolina e Juazeiro, onde conheceu a produção agrícola e anunciou também com o presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim, recursos para a expansão da vinícola Miolo. A titular da pasta da Agricultura é a terceira autoridade com status de ministro a cumprir agenda em menos de um mês na cidade de pernambucana. Também visitaram o município sertanejo o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, e o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.



Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, se reuniu com fruticultores em Petrolina
Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, se reuniu com fruticultores em PetrolinaFoto: Divulgação

Em agenda no Sertão do São Francisco, a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, reuniu-se, com produtores de vários segmentos da agropecuária,na manhã desta segunda (15). Acompanhada do prefeito Miguel Coelho (PSB), a gestora debateu soluções relacionadas à pesquisa, tecnologia, redução da burocracia e da carga fiscal para fortalecer a fruticultura de Petrolina.

Além do debate sobre a produção de frutas no Vale do São Francisco, o encontro ocorrido na sede do Sindicato Patronal Rural abriu espaço para outros setores econômicos. Produtores da Zona da Mata e Agreste levaram demandas ligadas à cana de açúcar, avicultura, bovinocultura e caprinocultura.

A agenda foi acompanhada também pelo senador Fernando Bezerra (MDB), os deputados Fernando Filho (DEM), Antonio Coelho (DEM) e o prefeito de Lagoa Grande, Vilmar Capellaro (MDB). A ministra ainda participa, nesta segunda, de atividades em Juazeiro e fecha o dia com uma reunião com exportadores em Petrolina.

petrolina

comece o dia bem informado: