O Presidente Jair Bolsonaro participa da solenidade de passagem de Comando do Exército do general Eduardo Dias da Costa Villas Bôas ao general Edson Leal Pujol.
O Presidente Jair Bolsonaro participa da solenidade de passagem de Comando do Exército do general Eduardo Dias da Costa Villas Bôas ao general Edson Leal Pujol.Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O general Eduardo Villas Bôas, que, nessa sexta-feira (11), passou o cargo de comandante do Exército para o general Edson Leal Pujol, durante cerimônia no Clube do Exército, em Brasília, foi convidado pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar um cargo no Gabinete de Segurança Institucional (GSI), que funciona no Palácio do Planalto.

Neste sábado (12), o presidente deu boas vindas a Villas Bôas, em resposta a uma postagem do general, que, no seu perfil no Twitter, externou a sua felicidade com o convite feito pelo presidente para integrar a equipe do GSI. “Seja bem-vindo amigo general Villas Bôas! É uma satisfação!”, disse Bolsonaro também em seu perfil no Twitter.

Leia também:
Villas Bôas diz que futuro ministro da Defesa 'não poderia ser melhor'
Não há espaço para aventuras exóticas, diz Villas Bôas sobre militares no Brasil


O general publicou que no GSI poderá continuar contribuindo para o desenvolvimento do Brasil. “Gostaria de externar a minha felicidade por receber uma missão do presidente Jair Bolsonaro ao ser convidado para integrar o Gabinete de Segurança Institucional, no qual poderei continuar contribuindo para o desenvolvimento da nossa Pátria”. Villas Boas vai trabalhar com o general Augusto Heleno, ministro do GSI.

Há pouco, o presidente Jair Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República, e foi para o Clube do Exército, em Brasília.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: