Fogo Cruzado

Inaldo Sampaio

ver colunas anteriores
Inaldo Sampaio
Inaldo SampaioFoto: Colunista

O governador Paulo Câmara já comunicou aos deputados do PSB que não pretende se envolver na eleição para a escolha do novo presidente da Assembleia Legislativa. Governadores geralmente dizem isto, para não parecer intromissão indevida em assuntos internos de outro poder, mas acabam patrocinando um candidato que gostariam de ver na presidência. Pernambuco registra dezenas de exemplos desse tipo de intromissão. No caso atual, parece ser sincera a declaração do governador por uma série de motivos. Primeiro, porque será muito difícil impedir a eleição do presidente interino Cleiton Collins, que já parte com o apoio de 16 parlamentares, 14 dos quais do partido dele. Segundo, porque o governo se intrometeu na eleição do 1º secretário em fevereiro de 2015 e seu candidato (Lula Cabral) foi derrotado por outro postulante do PSB (Diogo Moraes). Terceiro, porque há muita insatisfação na bancada governista pela não liberação dos recursos das chamadas “emendas impositivas”, que de “impositivas” mesmo só têm o nome. Então, pra que patrocinar um candidato do PSB sabendo antecipadamente que ele seria derrotado? Melhor mesmo é deixar que os próprios deputados escolham livremente o substituto de Guilherme Uchoa. Evita-se desgaste e uma briga com o poderoso deputado Eduardo da Fonte, que é o principal fiador da candidatura de Cleiton Collins.

Visita a Pernambuco
Afastado do cargo por ordem do STF, o agora ex-ministro do Trabalho (pediu demissão ontem), Helton Yomura, visitou Pernambuco uma única vez. Foi em maio deste ano para participar da inauguração da nova Agência do Trabalho de Arcoverde em companhia do deputado federal Zeca Cavalcanti (PTB). O ex-ministro foi levado ontem para depor na PF mas ficou em silêncio.

À disposição > Candidato único à presidência da Alepe, Cleiton Collins (PP) não será, garante o deputado Rodrigo Novaes (PSD) dizendo que está pronto para “bater chapa” com ele se Romário Dias (PSD) ou Antonio Moraes (PP) não se habilitarem.

Obra social > Não está sendo divulgada pelo Palácio das Princesas uma das maiores obras sociais do governo Paulo Câmara: o abastecimento d’água de vilas, distritos e povoados. Só sabe a importância disto que não tinha água encanada em casa e passou a ter.

O convidado > João Campos, ex-chefe de gabinete de Paulo Câmara e candidato a deputado federal pelo PSB, foi o convidado especial do prefeito de Paulista, Júnior Matuto (PSB), ontem, na inauguração do novo pátio da feira do mercado de Paratibe. O mercado tem o nome de Eduardo Campos.

Arrumação > Mendonça Filho (DEM) deixou arrumada sua eleição para senador durante o período em que esteve à frente do Ministério da Educação. É grande o número de prefeitos da própria Frente Popular dizendo que vão votar nele para o Senado.

O desinteresse > É visível o desinteresse do PSB por uma aliança nacional com o PT porque isso nada acrescentaria ao seu projeto eleitoral. O único Estado em que o PT admite apoiar o PSB é Pernambuco. Nos demais quer apenas apoio sem oferecer nada em troca.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: